Menu
SADER_FULL
quarta, 21 de abril de 2021
Busca
Brasil

Policiais de MS são presos em SP acusados de assassinato

6 Ago 2004 - 17h05
Dois policiais civis de Mato Grosso do Sul estão presos na cidade de Guarujá, a 80 km de São Paulo. Eduardo Minari Higa e Ezequiel Leite Furtado foram presos ontem à noite, no aeroporto de Congonhas, quando tentavam embarcar para Campo Grande.

Segundo a polícia civil paulista, eles estariam envolvidos no assassinato do empresário Antonio Ribeiro Filho, de 63 anos. Ele foi morto com três tiros na manhã de ontem quando caminhava pela calçada da praia de Pitangueiras, no Guarujá.

Segundo a polícia civil, Minari – que é lotado no Garras, na capital – e Ezequiel, que já era aposentado da PC, se hospedaram num quarto do flat onde o empresário morava há cinco anos.

Junto com os policiais de MS foram apreendidas duas pistolas calibre ponto 40, R$ 1,8 mil e cinco celulares. O recibo de pagamento da diária do flat foi encontrado no bolso de uns dos policiais. Eles estão presos na delegacia da polícia civil de Guarujá e devem ser encaminhados para o presídio em São Paulo.
 
RMT Online

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRUTALIDADE
Adolescente queimado por negar sexo com homens morre em hospital
VACINA RUSSA
Governador diz que consórcio vai adquirir 28 milhões da vacina Sputnik V
LUTO NA SAÚDE
Dias após perder os pais, médica de 36 anos morre de Covid-19
VITIMA DA COVID 19
Vídeo: enfermeiro que receitava cloroquina se passando por médico morre de Covid-19
OS AMORES DO REI
Roberto Carlos teve três casamentos, paixões secretas e perdas em seus 80 anos
JUVENTUDE EM ALERTA
Covid: Variante acelera intubação de jovens e SP orienta procurar ajuda no 1º dia de sintomas
ATAQUE CANINO
Pit bull mata criança de 2 anos e deixa o irmão dela ferido
VIDEO CAPIVARA NA IGREJA
Capivara invade igreja: 'acho que ela veio rezar conosco', brinca Padre
BEBEDEIRA
Idoso conhece mulher, leva para casa é atacado a facadas
ROUBO DE CARGA
Três mil pessoas roubam carga de carne após carreta tombar e provocam novo acidente