Menu
SADER_FULL
sexta, 3 de julho de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Polícia Civil pode começar a receber armas segunda-feira

5 Ago 2004 - 15h43
As delegacias de Polícia Civil de Mato Grosso do Sul podem começar a receber armas da campanha do desarmamento a partir da próxima segunda-feira, dia 09 de agosto. A informação é da assessoria de imprensa da Polícia Federal.
Segundo a PF, o convênio firmado entre o superintende da corporação, Wantuir Jancini, e o secretário Estadual de Segurança Pública, Antônio Braga, na semana passada, deve ser assinado entre hoje e amanhã, autorizando a Polícia Civil a receber as armas e repassar para a Polícia Federal. O processo de indenização vai continuar sendo atribuição apenas da PF.
Com o convênio, o número de pontos para a entrega de armas sobe de cinco para 75, que são as delegacias das duas corporações no Estado. Apenas os municípios Alcinópolis e Japorã não terão postos, neste caso, a população terá de se locomover até a delegacia mais próxima.
Até ontem, a superintendência da PF em Campo Grande tinha recebido 676 armas.
 
 
 
 
Campo Grande News

Deixe seu Comentário

Leia Também

PREVENÇÃO COVID 19
Giovanna Antonelli viraliza ao mostrar truque para evitar contaminação
FEMINICÍDIO
Marido é preso após matar mulher asfixiada e na fuga causa acidente de carro e deixa 08 feridos
BORA PRA BONITO - MS - REABERTO
Hotel Águas de Bonito reabre com segurança e estrutura proporcionada para o aconchego em Bonito (MS)
BRASIL - 62.045 MORTES
Brasil passa de 62 mil mortes pelo novo coronavírus
COISA MEDONHA
Homem quebra túmulo e é visto dançando com o corpo da avó
OPORTUNIDADE DE EMPREGO
Exército abre seleção com vagas temporárias para MS e salários de até R$ 7,5 mil
FÁTIMA DO SUL - NOSSOS ANJOS DA GUARDA
Guerreiros de Fátima do Sul fazem semana de prevenção contra incêndio, hoje é dia do BOMBEIRO
BRASIL 60 MIL MORTES
Brasil tem 1.456.969 casos de Covid-19, aponta consórcio de veículos da imprensa em boletim das 8h
ELEIÇÕES 2020
Câmara dos Deputados aprova em primeiro turno adiamento das eleições municipais de 2020
100 INTERMEDIÁRIO
Venda direta de etanol das usinas para postos pode aumentar concorrência, diz Bolsonaro