Menu
SADER_FULL
quinta, 21 de outubro de 2021
Busca
Brasil

PMDB será fiel da balança para Alckmin ou Lula

4 Out 2006 - 13h00
Não importa quem ocupe o Palácio do Planalto a partir de 1º de janeiro, ele não poderá constituir uma maioria sólida no Congresso se prescindir da boa vontade peemedebista.

Isso porque tanto o PSDB, de Geraldo Alckmin, quanto o PT, de Luiz Inácio Lula da Silva, elegeram deputados e senadores em quantidade insuficiente para governar sem ajuda, muita ajuda.

O PT conquistou 83 cadeiras na Câmara e, com os dois senadores que elegeu, somará 11 lugares no Senado, um a menos do que hoje.

O PSDB terá apenas 65 deputados em Brasília, e sua bancada de senadores será resumida a 15 cadeiras, uma a menos do que a atual.

Para se ter uma idéia, em 1998, quando Fernando Henrique Cardoso foi reconduzido, os tucanos elegeram 99 deputados federais.

Câmara
Com 89 eleitos, o PMDB fez a maior bancada da futura Câmara, recuperando um status que manteve desde as eleições de 1982 até o segundo mandato de Fernando Henrique Cardoso.

Em 1998, o PFL assumiu essa posição. Em 2002, foi a vez do PT.

O PMDB reverteu, vinte anos depois, uma tendência de emagrecimento que vinha desde o auge de 260 deputados eleitos em 1986 graças ao Plano Cruzado.

Até a posse da nova legislatura, novos assentos deverão ser conquistados pela bancada peemedebista.

A cláusula de barreira deixou 14 partidos na condição de plutões da Câmara, sem direito a prerrogativas parlamentares essenciais, como liderança e cargos em comissões e CPIs.

É natural que uma parte desses 118 deputados fujam da órbita de seus partidos-anões, para gravitar em torno de agremiações mais poderosas, como o PMDB.

Senado
Fenômeno semelhante deve acontecer no Senado. O PMDB não foi tão bem na eleição de senadores. Saiu das urnas enfraquecido, com uma bancada de 15 cadeiras, cinco a menos do que hoje.

Mas até a posse, os 13 senadores de partidos-anões terão que se mexer para não virar párias políticos. Alguns cairão no colo peemedebista.

Fiel da balança do futuro presidente, o PMDB sai das urnas sem uma cara definida, para variar. Houve derrotas e vitórias de ambos os lados, tanto entre os lulistas quanto entre os pró-tucano.

No sempre oposicionista Rio Grande do Sul, o governador Germano Rigotto caiu no 1º turno. Mas Pedro Simon se reelegeu senador.

No Paraná, o governador Roberto Requião tem um 2º turno difícil pela frente. Seu destino está amarrado ao de Lula.

O mesmo ocorre, com sinais trocados, com o governador catarinense Luiz Henrique da Silveira.

Juntos, esses três Estados elegeram 18 deputados, ou 20% da nova bancada do partido.

Divisão regional
Na divisão regional, Sudeste, com 27% dos deputados do partido (24 cadeiras), e Nordeste, com 25% e 22 deputados, concentram a maior parte da bancada. Somam-se 15 parlamentares do Norte (17%) e 10 do Centro-Oeste (11%).

Em São Paulo, sob a batuta, de Orestes Quércia, o PMDB voltou a perder espaço. A bancada paulista só terá 3 deputados, um a menos do que hoje.

O Estado com mais peso na Câmara, entre os peemedebistas, será o Rio de Janeiro, que mandará 10 deputados a Brasília, um a mais do que hoje.

Não é coincidência que Lula e Alckmin se apressaram a buscar apoio entre as hostes peemedebistas fluminenses para o 2º turno da eleição presidencial.

Correm atrás não apenas dos 1,7 milhão de eleitores órfãos de Heloísa Helena e Cristovam Buarque, mas também de votos que a bancada do Rio terá no Congresso.

O tucano ficou com o casal Garotinho, de saída do Palácio das Laranjeiras após oito anos de poder. O petista levou a promessa de apoio do candidato peemedebista ao governo do Estado, Sérgio Cabral Filho.

Como se vê, seja quem for o presidente eleito, o PMDB estará ao seu lado.

 

BBC Brasil

Leia Também

VOLTOU A SUBIR
Covid-19: Brasil registra 15.609 casos e 373 mortes em 24 horas
ESTAVA DESAPARECIDO
Corpo de pescador é encontrado dentro de jacaré
LIÇÕES DA BÍBLIA
O principal mandamento
BAIXARAM A GUARDA
Covid-19: Brasil registra 390 mortes e 12,9 mil casos em 24 horas
LIÇÕES DA BÍBLIA
Se me amam, guardarão os Meus mandamentos
OPORTUNIDADE DE EMPREGO
Funtrab está com 655 vagas para indígenas interessados em trabalhar em lavouras de maçã em SC e RS
ALERTA TEMPORAIS
Chance de Tempestades (La Ninã) no final do ano é de 87%, aponta atualização do NOAA
LIÇÕES DA BÍBLIA
Ele nos amou primeiro
AUXILIO EMERGENCIAL
Presidente está de acordo a prorrogação do auxílio emergencial
TRAGICO ACIDENTE
Menino de 9 anos morre enforcado com corda de balanço