Menu
SADER_FULL
sexta, 24 de setembro de 2021
Busca
Brasil

PM vai pedir à CBF mudança na tabela para evitar confusão em SP

13 Nov 2009 - 14h57Por Globo Esporte

Preocupada com a possibilidade de confusões no próximo dia 29, quando Palmeiras e Corinthians jogarão no mesmo horário (17h) em São Paulo, a Polícia Militar irá encaminhar no início da próxima semana um ofício à CBF pedindo mudança na tabela. A PM alega que não tem efetivo suficiente para cuidar de quatro torcidas grandes ao mesmo tempo. O Verdão enfrenta o Atlético-MG no Palestra Itália, e o Corinthians pega o Flamengo em jogo originalmente marcado para o Pacaembu.

Como o regulamento do
Brasileirão determina que os jogos das duas últimas rodadas sejam disputados simultaneamente, a Polícia sugere que um dos confrontos seja transferido para outra cidade.

O técnico Mano Menezes, do Corinthians, não gostaria de ter de jogar fora, mas diz que vai respeitar o que for determinado.

- Tenho ouvido que a mudança é por uma questão de segurança. Precisamos nos preocupar com isso nos dias de jogo. Ideal seria jogar no Pacaembu, sem dúvida. As duas torcidas compareceriam. É o lugar mais adequado para jogarmos. No entanto, vamos acatar o que for decidido.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

ROTA BIOCEÂNICA
Comissão mista homologa consórcio que vai construir ponte da Rota Bioceânica em MS
CASTELO DE AREIA
Idoso casa com prostituta 35 anos mais nova e flagra com outro
DOENÇA DO SÉCULO
Servidor público é encontrado pendurado em árvore
COVID-19
Ministra de Bolsonaro testa positivo para Covid e cancela agenda em Nova Andradina
ASSUSTADOR
Homem encontra boneca na parede com bilhete misterioso: "obrigada por me libertar"
VIDEOS VAZADOS
Torcedora do flamengo esquenta a web com vídeos íntimos
VOLTOU A SUBIR
Covid-19: Brasil registra em 24 horas 36.473 novos casos e 876 novas mortes
REVOLTANTE
Criança autista vítima de maus tratos é encontrada comendo fezes de cachorro para sobreviver
HOMICIDIO X SUICÍDIO
Marido mata esposa e tira própria vida; criança de 3 anos pede socorro a vizinho
NEGLIGÊNCIA
Criança de 2 anos ao volante mata prima de 3 anos atropelada