Menu
SADER_FULL
sábado, 24 de julho de 2021
Busca
Brasil

Pit bull que matou dono a mordidas foi sacrificado

20 Jul 2010 - 09h24Por Campo Grande News
O cachorro pit bull que matou o comerciante Fernando Jorge Paes, de 44 anos, foi sacrificado no último dia 6 de julho no CCZ (Centro de Controle de Zoonoses), em Campo Grande.

Exames mostraram que o animal tinha leishmaniose visceral e, portanto, foi sacrificado. Laudo do CCZ também aponta que o cachorro não apresentava sinais de maus-tratos.

De acordo com o delegado da 5ª Delegacia de Polícia Civil, José Luiz Sotolani, ainda são aguardados os resultados de laudos sobre o corpo da vítima e do local do crime.

“Para ver ser as lesões são compatíveis com as mordidas do cachorro”. A polícia também vai ouvir vizinhos e a mulher que trabalhava como diarista na casa de Fernando.

Confirmada que a morte foi causada pelo cachorro, o inquérito deve ser arquivado. “Se o cão fosse de outra pessoa, ela responderia por omissão de cautela na guarda de animais e homicídio culposo”, explica Sotolani.

Fernando foi encontrado morto em sua casa, na rua Roberto Mange, em Campo Grande, na manhã do dia 18 de junho.

Na ocasião, o cunhado da vítima, o professor João Bosco de Souza Filho, relatou que o cão nunca havia demonstrado comportamento agressivo.

Já um vizinho do comerciante comentou que ele dava leite com pimenta para o pit bull e costumava amarrar o cachorro para que ele ficasse bravo e cuidasse da casa.

Fernando morava sozinho com o pit bull e um outro cão vira-latas. Ele era proprietário da loja de parafusos Fepar, localizada na Calógeras. Fernando estava noivo e ia se casar no fim deste ano.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Foto: Mycchel Legnaghi - São Joaquim online PREVISÃO DO TEMPO
Maior frio do ano? Temperaturas negativas, geada e até neve!
TRABALHO ESCRAVO
Aliciamento de crianças: família de líderes religiosos é presa em operação da polícia
ATO OBSCENO
Homem é detido após entrar nu em culto evangélico
TRAIÇÃO
Vídeo: Mulher flagra marido com travesti dentro do carro e 'pancadaria come solta'
COVID 19 NO BRASIL
Brasil tem 1 órfão por covid a cada 5 minutos: 'Pensamos que crianças não são afetadas, mas sim
SELEÇÃO OLIMPICA
Brasil ameaça passeio em estreia contra a Alemanha, mas desperdiça chance de goleada histórica
TRAGÉDIA NO RIO
Barco vira com nove pessoas matando 3 crianças e 3 adultos
REVOLTA
Mulher tem parte do rosto destruído por ataque de pitbull sem coleira; assista
FLAGRA
Vigilante descobre traição e mata amante da esposa com 3 tiros
SOB INVESTIGAÇÃO
"Te achei!", gritou suspeito antes de matar jovem de 16 anos com 10 tiros