Menu
SADER_FULL
terça, 18 de fevereiro de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
Brasil

Piso dos policiais só deve ser aprovado no ano que vem

28 Mai 2010 - 08h14Por Agência Brasil

O líder do governo na Câmara, deputado Cândido Vaccarezza (PT-SP), disse hoje (27) que a votação sobre o reajuste dos salários dos policiais deve ficar para o próximo ano. “Pessoalmente quero que não tenha nenhum prazo para que se tenha um processo de negociação para se chegar a um bom termo”.

A proposta de emenda à Constituição (PEC) 330, que trata do piso dos policiais, estabelece um valor de R$ 3,5 mil para o praças e de R$ 7 mil para oficiais para figurar na Constituição. No entanto, Vaccarezza convenceu as lideranças dos policiais que não será possível incluir na Constituição um valor para o piso e que esse valor tem que ser definido em projeto de lei complementar.

Vaccarezza informou que não sabe qual deve ser o valor do piso dos policiais. “Ele tem que ser costurado como foi o piso dos professores. O mais provável é que o projeto seja encaminhado ao Congresso no final desse governo e que a votação fique para o primeiro semestre de 2011”.

Ontem ele convenceu os policiais civis e militares a deixar fora da Constituição o valor do piso salarial da categoria e aprovar a PEC estabelecendo que haverá um piso salarial para os agentes da segurança pública.

O líder prometeu aos policiais discutir a proposta de piso com o governo e na terça-feira (1) voltar a se reunir com os representantes das associações de policiais. Vaccarezza elogiou o comportamento dos policiais na reunião. Segundo ele, os policiais chegaram a colocar um prazo de 90 ou 180 dias para o governo enviar e o Congresso aprovar o valor do piso salarial da categoria.

Deixe seu Comentário

Leia Também

LEITE HUMANO EM PÓ
Brasileiros criam leite humano em pó e ganham prêmio internacional
TRAGÉDIA NA FAMILIA
Menino de 5 anos morre após ter 40% do corpo queimado em explosão de gasolina
PARADA CARDÍACA
Morre irmão de Scheila Carvalho
BRINCADEIRA MALDOSA
Novo desafio lançado hoje viraliza e já causa vítimas nas escolas; vídeo
FAMOSIDADES
Graciele Lacerda, noiva do sertanejo Zezé di Camargo, lamenta morte
BRINCADEIRA NOCIVA
Alunos pedem que amigos neguem o desafio “quebra-crânios”
CUIDADO
Dinheiro é sujo e pode ajudar a transmitir doenças como o Coronavirus
AMOR AO PROXIMO
Bruna Marquezine recebe crianças refugiadas em sua casa e brinca na piscina
100 AUTORIZAÇÃO
Raquel Motta, do meme dos '3 reaix', processa 56 empresas por uso indevido de imagem
AÇÃO DE DESPEJO
Prestes a ser despejada após morte João Gilberto, ex não tem para onde ir e passa fome