Menu
SADER_FULL
quarta, 12 de maio de 2021
Busca
Brasil

PF prende 18 envolvidos em venda de terras da União no PA

7 Dez 2004 - 10h53
A Polícia Federal prendeu 18 pessoas, entre servidores públicos federais, empresários advogados e fazendeiros acusados de corrupção ativa e passiva, falsificação de documentos públicos e formação de quadrilha em negociações envolvendo terras da União em Santarém, no sudoeste do Pará. De acordo com as investigações, extensas áreas de terras públicas eram transferidas para particulares em troca de propina.

Entre os presos estão o superintendente do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) no Estado, Roberto Faro, que está numa cela da PF em Manaus. A Operação Faroeste está sendo realizada em Belém, Manaus, Fortaleza e Santarém.

Entre os presos estão o empresário mato-grossense Clóvis Casagrande, seus dois advogados; o ex-servidor do Ministério Público Federal em Santarém, Edilson Sena, e os funcionários do Incra naquela cidade, Pedro Paulo Peloso e José Dorivaldo Pinheiro.

 

 

Estadão

Deixe seu Comentário

Leia Também

TRISTEZA NA FAMILIA
Seis pessoas da mesma familia morrem vítimas da Covid-19
NOVAS REGRAS
WhatsApp: o que acontece se você não aceitar novas regras do aplicativo até 15 de maio
FAMOSIDADES
Pai da campeã do 'BBB 21' Juliette vive em casinha de barro na Paraíba
CACHAÇA
Jovem enfia garrafa no ânus durante bebedeira e vai parar no hospital
ESCALADA DA VIOLÊNCIA
Operação mais letal da história deixa 25 mortos no Jacarezinho
VITIMA DO MASSACRE
'Fiquei vendo costurarem os ferimentos. Chorava, orava e agradecia por ele estar vivo, diz mãe
FRIO - FÁTIMA DO SUL NOVA ONDA DE FRIO
Frio de origem polar começa a ser sentido novamente e terá geada
TERROR NA CRECHE
Sob forte emoção moradores de Saudades realizam velório coletivo das vítimas do ataque à creche
CHEGANDO FORTE
Frio chega com força e provoca geada no Sul
TERROR EM CRECHE
Jovem invade escola e mata três crianças e duas funcionárias