Menu
SADER_FULL
terça, 26 de maio de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

PF apreende 2,2 toneladas de maconha em Amambai

13 Abr 2007 - 10h56
 

Policiais federais de Naviraí apreenderam 2,2 toneladas de maconha escondida embaixo de uma carga de bancos de madeira e prende um traficante em Naviraí.

Segundo a Polícia Federal, houve uma denúncia anônima informando que no carregamento seria encontrada a droga. Agentes ficaram de campana na rodovia e viram um caminhão com as características mencionadas na denúncia. O caminhão Mercedes Benz L1516, da cidade de Santa Cruz do Rio Pardo (SP) foi parado e embaixo de uma carga de bancos de madeira foram enocntradas 2,2 toneladas de maconha.

A droga seria levada de Coronel Sapucaia para Campinas (SP). O motorista alegou aos policiais que não sabia que estava transportando drogas junto com os bancos de madeira. Os policiass chegaram ao proprietário do entorpecente que é da cidade de Douradina.

Conforme a Polícia Federal de Naviraí, os nomes dos envolvidos no tráfico são mantidos em sigilo para não atrapalhar as investigações. A apreensão foi feita na quarta-feira, mas somente hoje a Polícia Federal fez a divulgação.

 

 

RMT Online

Deixe seu Comentário

Leia Também

BONITO - MS - COVID-19
Pandemia faz empresas demitirem 29% dos funcionários do setor de turismo de Bonito (MS)
VITIMA DA COVID 19
'Mãe' de Jojo Todynho morre de Covid-19
FÁTIMA DO SUL - O BOTICÁRIO
Dia dos Namorados é no O Boticário, confira o catálogo digital, entrega em casa em Fátima do Sul
COVID-19
Dois integrantes da banda de Zezé Di Camargo e Luciano testam positivo para coronavírus
FEMINICIDIO
Filha de 12 anos faz homenagem para vítima de feminicídio: 'te amarei para sempre'
ELEIÇÕES 2020
Líderes municipalistas confirmam inviabilidade das eleições 2020
INACREDITÁVEL
Cadeirante mudo assalta joalheria com arma nos pés; assista ao vídeo
BRASIL - 22.666 MORTES
Brasil tem mais 653 mortes, e vítimas da covid-19 no país chegam a 22.6
EMOCIONANTE - VIDEO
Esposo toca sanfona para esposa no hospital após ela receber alta de covid-19
ELEIÇÕES 2020?
Talvez seja inevitável adiar eleições municipais, diz Barroso