Menu
SADER_FULL
domingo, 19 de setembro de 2021
Busca
Brasil

Petista ataca Dilma e defende 3º mandato para presidente Lula

17 Out 2009 - 11h05Por Conjuntura

Sem espaço na definição das estratégias eleitorais do PT, a ala mais radical do partido ganhou os holofotes, ontem, no primeiro debate entre os seis candidatos à presidência da legenda.

Lanterninha na disputa, o principal dirigente da tendência Esquerda Marxista, Serge Goulart, defendeu o terceiro mandato para o presidente Luiz Inácio Lula da Silva e criticou a possível candidatura da ministra da Casa Civil, Dilma Rousseff, à Presidência da República.

"Não é o Congresso corrupto que decide quantos mandatos deve ter o governante. É o povo que decide", afirmou.

Diante de colegas que pregaram a coesão do PT para a campanha de Dilma, Goulart foi em outra direção.

Disse que os militantes estão "incomodados" com uma candidata "lançada pela imprensa" e "ungida sem discussão com o partido". Já Markus Sokol, da ala O Trabalho, criticou o agronegócio e defendeu as invasões do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST). A eleição no PT será em novembro.

Deixe seu Comentário

Leia Também

TSUNAMI NO BRASIL?
Brasil pode ser atingido por tsunami; entenda
SERPENTE
Rapaz de 18 anos é atacado por jararaca durante pescaria
TRIBUNAL DO CRIME
Traficantes enterram mulher viva para vingar denúncia
TEMPESTADE
Temporal derruba árvore sobre carros e deixa bairros no escuro
VOLTOU A SUBIR
Covid-19: ministério registra 34,4 mil casos e 643 mortes em 24 horas
COMOÇÃO E REVOLTA
Menina de 5 anos é morta com tiro na cabeça enquanto caminhava para comprar lanche
CEF de Fátima do Sul OPORTUNIDADE
Caixa abre concurso com salários de mais de R$ 3 mil; confira
QUASE 600 MIL MORTES
Covid-19: mortes sobem para 588,5 mil e casos, para 21,03 milhões
LIÇÕES DA BÍBLIA
Uma rua de mão dupla
LATROCINIO
Dupla invade casa, tranca mulher e crianças em quarto e mata homem degolado