Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
terça, 26 de janeiro de 2021
Busca
Brasil

Pesquisa aponta que 49% das empresas preferem não contratar fumantes

9 Fev 2011 - 09h44Por

De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), uma entre quatro pessoas no mundo fuma. No Brasil, aproximadamente 40% da população acima de 12 anos já experimentou cigarro ou é dependente e desse total cerca 9% tornaram-se fumantes.

Desde 2009, moradores de alguns estados, entre eles São Paulo, foram proibidos de fumar em ambientes públicos e privados de uso coletivo graças a Lei antifumo, e desde então para alguns fumantes o hábito transformou-se em um tormento.

E no mercado de trabalho, como isso se aplica? Fumar pode ser um fator impeditivo para contratação de um funcionário?

Uma pesquisa realizada pela Trabalhando.com, aponta que 49% das empresas deixam de contratar um candidato por ele fumar e 17% pensam duas vezes.

“Apesar de não existir uma lei muitas empresas acabam adotando esse critério como regulamento extra-oficial.

Em caso de igualdade de competências entre dois candidatos optam por quem não é dependente”, afirma Renato Grinberg, diretor geral da Trabalhando.com.

Muitos contratantes acreditam que os fumantes podem ser menos produtivos. Cada vez mais as empresas buscam aumento de eficiência e ter um funcionário que fuma pode gerar mais custos seja pela contagem do tempo, pelas conversas entre um cigarro e outro e até pelos riscos de que esse funcionário sofra com doenças, internações ou até cirurgias decorrentes dessa dependência.

“Pode parecer preconceito, mas é comprovado que o fumo afeta a saúde e, portanto, pode comprometer a produtividade, por isso muitas empresas levam em consideração esse fato na hora de contratar”, finaliza Grinberg.(Trabalhando.com) 

Deixe seu Comentário

Leia Também

GANGUE DO TIJOLO
Menores entre 13 e 17 anos formam bando e fazem 'arrastão'; veja vídeo
LUZ DO DIA
Empresário é executado com três tiros dentro de carro
SELFIE DA MORTE
Professora tenta tirar selfie e morre afogada ao cair no mar
tratamento precoce prefeito curitiba 100 TRATAMENTO
"Estão no Cemitério", diz prefeito de Curitiba sobre pessoas que usaram tratamento precoce Covid-19
A CASA CAIU
Mulher invade casa e flagra namorado fazendo sexo com outra; veja vídeo
LINHA DE FRENTE
'Ele lutou até o final', diz irmã de médico de 28 anos, após quase um mês morreu de Covid-19
SEU BOLSO
Litro da gasolina sobe R$ 0,15 nas refinarias da Petrobras
ESTUPRO DE VULNERÁVEL
Na calada da noite, namorado da avó estupra criança de 12 anos e é espancado por vizinhos
CONCURSO PÚBLICO
Concurso da Aeronáutica somam com as 21 mil vagas em outros concursos que a semana oferece
DEU RUIM
Jovem é atingido por raio enquanto usava celular no banheiro