Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sábado, 8 de agosto de 2020
SADER_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
piracema

Pesca nos rios de Mato Grosso do Sul ficarão proibidas após 4 de novembro

Proibição da pesca vai até 28 de fevereiro do ano que vem.

14 Set 2013 - 07h00Por Dourados Agora

Para quem aprecia os rios de Mato Grosso do Sul pertencentes à Bacia do Rio Paraguai para uma boa pescaria, amadora, embarcada, ou em barranco, o prazo permitido pelo Ministério da Pesca e Aquicultura é 4 de novembro, pois no dia 5 inicia o período de defeso em águas continentais e cuja proibição da pesca vai até 28 de fevereiro do ano que vem.

E, aos pescadores que gostam de conforto, segurança e certeza de captura de exemplares nobres das espécies que habitam o Pantanal sul-mato-grossense, uma pousada localizada à margem direita do rio Aquidauana oferece toda a estrutura para uma pescaria com certeza de sucesso.

Mais que um pesqueiro, a Pousada das Palmeiras, na pequena e pacata localidade de Palmeiras, uma antiga estação ferroviária localizada no município de Dois Irmãos do Buriti, com acesso a partir da BR-262 e cortada pela Estrada Parque Piraputanga, dispõe de acomodações e equipamentos para que o turista desfrute da melhor pescaria e de momentos agradáveis junto à natureza.

Com seis barcos e motores de 15 a 25 HPs, para percorrer o rio Aquidauana, em direção ao Pantanal, ou seus afluentes, rio acima, como o Cachoeirão, o turista dispõe de embarcações seguras, piloteiros que conhecem os melhores locais para a captura de dourados e pintados e, ainda, uma estrutura para pescaria de barranco, com um deck próximo à pousada, onde as piraputangas, piaus e pacus se lançam às iscas preparadas pelo pescador.

Segundo Gabriella Brasil, que administra a pousada, além da estrutura para pescaria, o espaço também disponibiliza passeios turísticos e ecológicos, por trilhas em estradas de terra que ligam Palmeiras a Piraputanga e Aquidauana e ao Pantanal e, por água, também ao Pantanal e, rio acima, ao Cachoeirão.

Gabriella explica que o rio Aquiduana continua como um dos melhores em recursos pesqueiros graças à preservação natural de suas margens e leitos, cuidados que os ribeirinhos mantém para garantir a reprodução dos peixes nos períodos de defeso. “Estamos ampliando nossa estrutura para oferecer mais acomodações para o turista”, destaca a jovem empresária.

A Pousada das Palmeiras surgiu como um pesqueiro, para a família, porém, com a participação frequente de amigos, que encontraram no lugar um ótimo espaço para o lazer e o ócio, a emoção da pescaria e o descanso prazeroso, o espaço acabou se transformando em uma referência em hospedagem na região.

A pousada teve seu espaço ampliado, com a construção de uma ampla casa, com quatro quartos, sala, ampla varanda e quiosque com churrasqueira, para alugar para famílias de oito a dez pessoas; quatro apartamentos individuais, com acomodações para casais e camas de solteiro, todas com banheiros individuais e, agora, o término da construção de mais um chalé, com dois apartamentos completos.

As pescarias se sucedem na Pousada das Palmeiras, com a captura de exemplares que proporcionam admiração a quem aprecia uma boa pesca e também a quem tem vontade de conhecer a natureza intocada como as margens do rio Aquidauana. Basta entrar no site www.pousadadaspalmeiras.com.br e conferir os pescadores e peixes capturados em aventuras inesquecíveis.

Reprodução
Dourado de 12 quilos, um dos peixes mais cobiçados , capturado por Sérgio Arakaki

Deixe seu Comentário

Leia Também

OPORTUNIDADE NO MS
JBS oferece 600 vagas de emprego em 6 cidades de MS
VACINA COVID 19
Bolsonaro diz que vacina contra covid deverá estar disponível em dezembro
FALSIFICAÇÃO
Nota falsa de R$ 200 começa a circular
REABERTURA DO COMÉRCIO
Brasil e Paraguai podem reabrir comércio na fronteira em 10 dias, diz ministro
REINFECÇÃO EM ALERTA
Novo coronavírus tem segundas novas ondas de reinfecção e acendem sinal de alerta
FÁTIMA DO SUL - DICA CIA DO BICHO
Saiba o que são rações terapêuticas, Cia do Bicho destaca vários tipos, confira
BRASIL - 96.326 MORTES
Brasil tem 2.817.473 casos de Covid-19, indica consórcio de veículos da imprensa em boletim das 13h
EXPLOSÃO EM BEIRUTE
Libanês se emociona e diz: Parecia uma bomba atômica, que acabou com tudo
BORA PRA BONITO - MS
Crie laços com a natureza em Bonito, MS!
LUTO NO CIRCO
Palhaço mais velho do Brasil morre aos 77 anos vítima de coronavírus