Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quinta, 22 de outubro de 2020
SADER_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Patrulheiros mirins querem o fim do parquímetro em Dourados

13 Jul 2010 - 08h35Por Diário MS

O presidente da Patrulha Mirim de Dourados, Altemir Mateus dos Santos, afirmou que sem o retorno da antiga “zona azul” em Dourados a situação enfrentada pela corporação ficará comprometida.

“Desde que a prefeitura implantou o parquímetro na cidade, a Patrulha Mirim deixou de colocar no mercado de trabalho esses adolescentes, que antes exerciam a função de cobrar pelo uso da zona azul”, afirmou.

Para isso, Altemir pediu ontem na Câmara Municipal, durante o uso da Tribuna Livre, que os vereadores revoguem a lei que regulamenta o uso do parquímetro no município. Segundo ele a empresa que presta o serviço de cobrança do estacionamento na área central vence no final do ano.

Fundação
A Patrulha Mirim de Dourados foi criada na década de 1980. Seu objetivo é orientar e encaminhar o adolescente, a partir de 16 anos, ao mercado de trabalho. Hoje, ela oferece cursos de capacitação profissional, reforço escolar, palestras, acompanhamento psicológico e aulas de informática.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CORONAVIRUS
Morre voluntário brasileiro que participava de testes da vacina de Oxford
MORTE SUBITA
Idoso morre em voo de Cuiabá para SP; avião faz pouso de emergência
BRASIL - 154.176 MORTES
Covid-19: Brasil tem mais 271 óbitos e 15.383 novos casos em 24h
TRAGÉDIA NA CIDADE
Acidente entre trem e e micro-ônibus deixa uma mulher morta e feridos
VEJA VIDEO
Índio precisa buscar socorro a cavalo após ataque de onça
ESTUPRO DE VULNERÁVEL
Filha de 9 anos flagra pai estuprando menina de 5 na lateral da casa
AUXILIO POPULAÇÃO
Auxílio emergencial: 5,6 milhões de pessoas recebem nesta terça-feira
FAMOSIDADES
Luan Santana e Jade Magalhães terminam noivado de 12 anos
CORONAVIRUS NOS ANIMAIS
Gato é o primeiro animal no Brasil que testa positivo para o Coronavirus
ABSURDO
Enfermeiros, fisioterapeuta e médico são afastados após denúncia de estupro na UTI