Menu
SADER_FULL
quinta, 11 de agosto de 2022
SADER_FULL
Busca
A MÁFIA DE PALETÓ

Passaia responsabiliza gráfica pela "censura" do seu livro

11 Set 2010 - 09h26Por Campo Grande News

O jornalista Eleandro Passaia, autor do livro “A Máfia de Paletó”, lançou a obra nesta noite no saguão do Teatro Municipal de Dourados. Ele responsabilizou a gráfica que fez a impressão dos exemplares pela censura branca do capítulo referente a deputados e senadores.

Segundo Passaia, os donos da gráfica não suportaram a pressão dos políticos citados no capítulo. Mas o jornalista prefere não questionar os motivos que os levaram a tomar a decisão, até porque a gráfica não cobrou pelos serviços de impressão.

No entanto, para os leitores que estão com a curiosidade aguçada no sentido de saber o que está escrito no capítulo, Passaia garante que irá disponibilizar na internet cópia do capítulo censurado, em PDF (que impede alteração).

O saguão do Teatro Municipal ficou lotado, com duas filas formadas por leitores querendo suas obras autografadas pelo autor.

Passaia permaneceu o tempo todo vigiado por seguranças. Ele usou colete à prova de balas sob o blazer.

A Guarda Municipal e a PM (Polícia Militar) montaram forte esquema de segurança no lado de fora do teatro.

Leia Também

ESTERILIZAÇÃO
Senado aprova redução da idade mínima para realização de laqueadura
ASSUSTADOR
VÍDEO: Tromba d´água é registrada no Litoral e assusta moradores
TEMPESTADE
Temporal derruba teto de UTI covid em hospital e pacientes são transferidos às pressas
COVID NO BRASIL
Brasil registra 365 mortes e 30,2 mil casos de covid-19 em 24 horas
ALIVIO NO BOLSO
Corte de impostos deve resultar em nova queda de preços na conta de energia neste mês
TRAGÉDIA
Criança de 8 anos mata cunhado com tiro na cabeça
AGORA É LEI
STF decide que servidor público não pode receber menos que o salário mínimo
TENTATIVA DE ASSASSINATO
Coroinha é esfaqueado no pescoço durante missa em igreja
AUXILIO CAMINHONEIRO
Caixa libera consulta ao Auxílio Caminhoneiro
VAMOS AJUDAR - COMPARTILHE
Casal que adotou 3 irmãos autistas vítimas de maus-tratos comove internautas