Menu
SADER_FULL
sexta, 14 de maio de 2021
Busca
Brasil

Paraná tenta reabilitação diante do Criciúma

4 Ago 2004 - 13h45
O Paraná terá pela frente o Criciúma, nesta quarta, às 20h30, no estádio Pinheirão, em Curitiba, pela abertura da 21ª rodada do Campeonato Brasileiro. O time da casa vem de uma derrota por 3 a 0 para o Goiás, no domingo, em Goiânia, e busca a recuperação.

O jogo será o primeiro de Gilson Kleina, hoje técnico do Paraná, contra a sua ex-equipe, a qual dirigiu por dez meses.

"Ainda pretendo estudar um pouco mais o adversário, mas já sei como devo jogar para vencer o Criciúma, porque formei quase toda a equipe que atualmente está lá", disse Kleina.

No Criciúma, o técnico Vágner Benazzi tinha como opção quatro atletas para ocupar a vaga do zagueiro Luciano, que se transferiu para o futebol da Arábia Saudita.

Benazzi não poderá contar ainda com o volante Genalvo, que cumpre suspensão. O atacante Reinaldo, que se recupera de contusão, é dúvida para o duelo contra a equipe paranaense.

PARANÁ
Flávio; Cláudio, Fernando Lombardi, Nelinho e Vicente; Beto, Gilmar, Christian e Marcel; Sinval e Canindé
Técnico: Gilson Kleina

CRICIÚMA
Fabiano; Luís Paulo, Gilmar Lima, Duílio (Ronaldo) e Luciano Almeida; Geninho, Rafael, Fernandinho e Athos; Marcos Denner e Vágner Carioca
Técnico: Vágner Benazzi

Local: estádio Pinheirão, em Curitiba
Horário: 20h30
Juiz: Cléber Wellington Abade (SP)
 
Folha Online

Deixe seu Comentário

Leia Também

SONHO INTERROMPIDO
Agente educacional morta em ataque a creche em Saudades queria fazer intercâmbio no Canadá
PESQUISA PRESIDENCIAL
Datafolha mostra Lula disparado na corrida eleitoral
NOVA INFECÇÃO
Covid-19: após 3 semanas de queda, casos de coronavírus avançam no Brasil puxados por 9 Estados
TRISTEZA NA FAMILIA
Seis pessoas da mesma familia morrem vítimas da Covid-19
NOVAS REGRAS
WhatsApp: o que acontece se você não aceitar novas regras do aplicativo até 15 de maio
FAMOSIDADES
Pai da campeã do 'BBB 21' Juliette vive em casinha de barro na Paraíba
CACHAÇA
Jovem enfia garrafa no ânus durante bebedeira e vai parar no hospital
ESCALADA DA VIOLÊNCIA
Operação mais letal da história deixa 25 mortos no Jacarezinho
VITIMA DO MASSACRE
'Fiquei vendo costurarem os ferimentos. Chorava, orava e agradecia por ele estar vivo, diz mãe
FRIO - FÁTIMA DO SUL NOVA ONDA DE FRIO
Frio de origem polar começa a ser sentido novamente e terá geada