Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
segunda, 12 de abril de 2021
Busca
Brasil

Para Ronaldo, Ronaldinho é o melhor do mundo

7 Out 2004 - 07h40

Três vezes eleito o melhor jogador do mundo pela Fifa, o atacante Ronaldo indicou seu companheiro de Seleção Brasileira Ronaldinho como favorito para levar o prêmio neste ano. O jogador do Real Madrid, entretanto, apontou a falta de títulos do Barcelona na temporada passada como um ponto negativo para o meia do time catalão.

"Todos os indicados podem levar o prêmio, mas vejo uma grande possibilidade do Ronaldinho. No ano passado, ele fez excelentes atuações, mas acho que o fato de o Barcelona não ter conquistado títulos pode prejudicar. Tomara que o critério de escolha seja o mais correto", afirmou o pentacamepão na Granja Comary nesta quarta-feira, citando o atacante francês do Arsenal Thierry Henry como outro favorito. "Acho que o Henry também é um nome forte nessa disputa."

Além de Ronaldinho e do próprio Ronaldo, outros quatro brasileiros concorrem ao prêmio: Roberto Carlos, Kaká, Cafu e Adriano.

O jogador faz tratamento e não sabe se poderá jogar. E deixa claro que só vai a campo se estiver em perfeitas condições. "Só vou para o jogo 100%, porque se trata de uma lesão muscular e seria muito perigoso."

Ronaldo também comentou sobre o péssimo início de temporada do Real Madrid, que ocupa apenas a 10ª. posição no Campeonato Espanhol. O jogador acrescentou que sua falta de gols nos últimos jogos está relacionada com a má fase da equipe.

O atacante, que não marca há sete jogos, negou que o jejum tenha ligação com a movimentada vida que está levando fora de campo por causa do romance com a modelo Daniella Cicarelli. O casal tem um pacto de não passar mais de cinco dias sem se ver.

"A vida pessoal só influi na vida profissional do atleta quando ele tem algum problema familiar, de contrário só ajuda. Estou esses jogos todos sem fazer gol mas tive muitas oportunidades, inclusive perdi um pênalti. Já tive outras fases até piores e sempre consegui sair, agora é esperar o próximo jogo para fazer gols e deixar tudo isso para trás."

Contra a Venezuela, seleção que o Brasil já marcou 70 gols e sofreu apenas dois pelas eliminatórias, Ronaldo vê uma boa oportunidade de voltar às redes. O último gol do atacante foi justamente pela seleção, na vitória por 3 a 1 sobre a Bolívia no dia 5 de setembro.

"Nunca fui muito de escolher adversários, mas sabendo que o Brasil tem tradição de goleadas contra a Venezuela, isso é claro que me motiva", disse.

 

Reuters

Deixe seu Comentário

Leia Também

NOVO CÓDIGO DE TRANSITO
Novo Código de Trânsito entra em vigor na segunda-feira; veja mudanças
LOCKDOWN É A SOLUÇÃO?
Araraquara X Bauru: dois retratos do Brasil com e sem lockdown contra a covid-19
AGRICULTURA SUSTENTAVEL NO MUNDO
II Congresso Mundial de Integração Lavoura-Pecuária-Floresta deve receber 1 mil inscrições
MORTANDADE
Brasil bate marca de 4 mil mortes por Covid registradas em um dia pela 1ª vez
COPA LIBERTADORES
Santos vence o San Lorenzo na Argentina e abre vantagem por vaga nos grupos da Libertadores
FATALIDADE
Técnico de informática morre após levar choque a partir de fone de ouvido
CANALHA
Pai comete estupro e diz que filha precisa saber "como é ter um homem"
SOB INVESTIGAÇÃO
Cantor gospel e pastor é encontrado morto e amarrado em árvore
CONTAMINAÇÃO
Igrejas superam mercado e consultório médico em risco de transmissão de Covid-19, aponta estudo
CRISE NA PANDEMIA
Número de brasileiros que vivem na pobreza quase triplicou em seis meses, diz FGV