Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quinta, 6 de maio de 2021
Busca
Brasil

Para Fabinho, vaga na Libertadores é o que "resta" ao Timão

20 Set 2004 - 16h56
Para o volante corintiano Fabinho, o empate contra o São Paulo por 0 a 0, no domingo, no Morumbi, pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro, acabou com as pretensões de sua equipe de conquistar o título.

"Todo mundo sonhava com o título, mas sabíamos que seria difícil. Agora, temos que nos concentrar pela disputa das vagas na Libertadores, pois é o que nos resta", disse Fabinho, em entrevista à rádio Jovem Pan.

O Corinthians ocupa a décima posição, com 48 pontos --dez atrás do líder Santos. Matematicamente, a equipe do Parque São Jorge ainda tem chances de ser campeão, pois pode chegar aos 93 pontos.

No clássico de ontem contra os são-paulinos, o volante recebeu o terceiro cartão amarelo e desfalca sua equipe contra o Goiás, no próximo domingo, em casa, pela 32ª rodada da competição nacional.

Sobre o empate em 0 a 0, Fabinho considerou o resultado normal. "Era um clássico. As duas equipes entraram com a mesma proposta [marcação forte], pois ninguém queria perder", completou o jogador.
 
 
Folha Online

Deixe seu Comentário

Leia Também

VITIMA DO MASSACRE
'Fiquei vendo costurarem os ferimentos. Chorava, orava e agradecia por ele estar vivo, diz mãe
FRIO - FÁTIMA DO SUL NOVA ONDA DE FRIO
Frio de origem polar começa a ser sentido novamente e terá geada
TERROR NA CRECHE
Sob forte emoção moradores de Saudades realizam velório coletivo das vítimas do ataque à creche
CHEGANDO FORTE
Frio chega com força e provoca geada no Sul
TERROR EM CRECHE
Jovem invade escola e mata três crianças e duas funcionárias
PÉSSIMA PROJEÇÃO
Covid-19: Brasil deve alcançar 575 mil mortes em 1º de agosto, diz instituto
SONHO INTERROMPIDO
Jovem perde noivo para a Covid-19 no dia do casamento: 'Nossos sonhos ficaram para trás'
PANDEMIA CORONAVIRUS
Triste número: Brasil ultrapassa 400 mil mortes por Covid-19
REVOLTA
Pastor zomba da fé dos indígenas Trukás que revoltados quebram templo em construção; veja o vídeo
VIOLAÇÃO
Vereador abre caixão para provar que idoso não morreu de covid; assista