Menu
SADER_FULL
sábado, 28 de março de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
MEDICAL CENTER - POLONIO
Brasil

Palmeiras vira líder isolado do Brasileiro

8 Jul 2004 - 09h09
Com três gols de cabeça do atacante Kahê, o Palmeiras goleou o Juventude por 4 a 1, nesta quarta-feira à noite, no estádio do Parque Antarctica, em São Paulo, e reassumiu o topo do Campeonato Brasileiro. O time de Estevam Soares é agora líder isolado, com 25 pontos, um à frente do São Paulo, que na terça bateu a Atlético-MG. O Juventude permanece com 15 pontos.

Esta foi a sétima vitória do Palmeiras na competição --a quarta sob o comando de Soares, que desde a sua estréia, no dia 29 de maio, contra o Coritiba, ainda não sabe o que é derrota.

O treinador dirigiu o time nas vitórias sobre Juventude, São Paulo e Coritiba, como mandante, e Paraná, fora de casa. Também obteve dois empates, contra o Vasco, em casa, e o São Caetano, fora.

O elenco do Palmeiras, que treinou na terça à noite no Parque Antarctica e reclamou do novo sistema de iluminação do estádio, contou com os retornos do lateral Lúcio e do volante Corrêa, após suspensão.

1º tempo

Logo aos cinco minutos, o Palmeiras perdeu a primeira chance de gol com o lateral Baiano, que errou o cruzamento e quase acertou o ângulo do goleiro Eduardo Martini, que espalmou para escanteio.

Lauro respondeu para o Juventude, aos 29min, em um chute defendido por Sérgio, no meio do gol.

Melhor distribuído em campo, o Palmeiras chegou ao gol aos 40min com o atacante Kahê. Ele aproveitou o cruzamento do volante Corrêa, da direita, para ganhar a disputa pelo alto com o goleiro e cabecear para o fundo das redes. "Não foi jogada ensaiada não. Eu pedi e o Corrêa bateu muito bem na bola e colocou na minha cabeça", disse Kahê.

O juiz Elvécio Zequeto (MS) ainda ajudou o Palmeiras, anulando um gol legítimo do atacante Da Silva, aos 42min, alegando impedimento no lance.

2º tempo

No segundo tempo, o Palmeiras quase ampliou com Baiano, de cabeça, que tirou do goleiro, mas a defesa adversária tirou a bola da linha.

O Palmeiras pecou pelas chances perdidas e tomou o castigo aos 17min, quando levou o gol de empate, anotado por Thiago, que chutou de fora da área para vencer Sérgio.

O Palmeiras voltou a comandar o marcador aos 28min, novamente com Kahê, que cabeceou para o gol depois do cruzamento da direita do meia Pedrinho.

O time do Parque Antarctica foi beneficiado com a expulsão do volante Jancarlos do Juventude aos 34min e aproveitou a vantagem numérica para ampliar, aos 37min. Corrêa tentou cruzar da direita, mas a bola entrou no gol, enganando o goleiro: 3 a 1. "Acho que foi um pouco de sorte. Tive a felicidade de acertar um belo chute", disse Corrêa.

Aos 46min, o Palmeiras deslanchou com Kahê, que, novamente de cabeça, marcou seu terceiro gol contra o Juventude. Após cruzamento da esquerda, Diego Souza, que entrou no segundo tempo, cabeceou na trave. No rebote, Kahê não desperdiçou.

Na próxima rodada, o Palmeiras enfrenta o Atlético-PR no sábado, fora de casa. No mesmo dia, o Juventude irá receber o Coritiba.

 

 

Folha On Line


Deixe seu Comentário

Leia Também

FÁTIMA DO SUL - ATENÇÃO COMÉRCIO
Em novo Decreto, confira o que vai poder abrir e permanecer fechando nesta segunda em Fátima do Sul
CORONAVÍRUS NO BRASIL
Justiça suspende trecho decreto de Bolsonaro que livra igrejas de quarentena
CORONAVÍRUS NO BRASIL
Senado votará na segunda auxílio de R$ 600 para trabalhadores
TRABALHO VOLUNTÁRIO
Detentas começam confeccionar máscara de proteção para atender Jateí, Vicentina e Fátima do Sul
COVID-19 NO BRASIL
Brasil tem 92 mortes e 3.417 casos confirmados de novo coronavírus, diz Ministério da Saúde
PANDEMIA CORONAVIROS
São Paulo tem 68 mortos por coronavírus, média de uma a cada 2 horas e 20 minutos, e 1.223 casos
LINHA DE CRÉDITO
Governo lança pacote de R$ 40 bi para socorrer pequenas e médias empresas
AMOR AO PROXIMO
Xuxa vai doar R$ 1 milhão ao SUS para combate ao coronavírus
77 MORTOS
Casos de coronavírus no Brasil em 27 de março
REFORÇO
Câmara aprova projeto que prevê R$ 600 por mês ao trabalhador informal por conta do coronavírus