Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
domingo, 18 de abril de 2021
SADER_FULL
Busca
Brasil

Palmeiras vai a Campinas enfrentar a Ponte Preta

1 Set 2004 - 08h49
Vislumbrar a liderança do campeonato ou amargar a queda para o sétimo lugar e a exclusão da zona da Libertadores. É nesse jogo de seis pontos que o Palmeiras enfrenta a Ponte Preta nesta quarta, às 21h50, em Campinas.

Na quarta colocação com 47 pontos, um a menos que os líderes Santos, Atlético-PR e Juventude, o Palmeiras sabe que a linha que divide o time entre o topo e a queda livre é muito tênue.

"Estamos entrando numa fase que os confrontos entre os primeiros vão começar a definir quem realmente vai brigar até o final pela liderança. Sem dúvida que a importância do jogo cresce muito", afirmou o treinador Estevam Soares.

E a tabela não é generosa para o Palmeiras neste início de returno. Após o confronto diante da Ponte, o time do Parque Antarctica terá pela frente o Cruzeiro -10º colocado- em seguida faz o clássico contra o Santos, e depois viaja até o Paraná para enfrentar o Coritiba. "É um momento chave e não podemos deixar de pontuar", afirmou Estevam.

No primeiro turno, o Palmeiras teve uma seqüência favorável nesses três jogos. Após a goleada sobre o Corinthians, os palmeirenses bateram a Ponte, o Santos e o Coritiba e só caíram diante dos mineiros, em Belo Horizonte.

E para não ser pego de surpresa, o Palmeiras tenta recuperar os tropeços que teve pelo caminho. Nos últimos seis pontos que disputou, o Palmeiras só conquistou um. E a primeira lição para dar a volta por cima é apagar a dolorosa derrota para o rival Corinthians.

"Não podemos mais ficar pensando no que aconteceu. O jogo contra o Corinthians faz parte do passado. Temos é que nos concentrar para não perder a liderança, que é o nosso foco", disse o volante Magrão.

Contra a Ponte, o Palmeiras deve ter apenas uma alteração em relação ao time que perdeu para o Corinthians. O zagueiro Nen, suspenso, dá lugar a Leonardo na defesa. No ataque, o técnico Estevam Soares mantém a dupla Thiago Gentil e Osmar.

Do outro lado, o Palmeiras sabe que vai enfrentar um adversário mais do que motivado. A Ponte Preta tem 45 pontos e uma vitória deixa a equipe de Campinas na briga direta pelo primeiro lugar.

Nenê Santana, técnico do time, terá o volante e capitão Marcus Vinícius, que cumpriu suspensão e reforça a equipe.

O atacante Júlio César, que teve aberto o supercílio esquerdo após pancada no jogo contra o Atlético-MG, também está liberado para enfrentar o Palmeiras.

PONTE PRETA
Lauro; André Cunha, Alexandre, Gustavo, Luís Carlos e Bill; Marcos Vinícius, Romeu e Lindomar; Weldon e Júlio César
Técnico: Nenê Santana

PALMEIRAS
Sérgio; Baiano, Leonardo, Gabriel e Lúcio; Marcinho, Corrêa, Magrão e Elson; Osmar e Thiago Gentil
Técnico: Estevam Soares

Local: estádio Moisés Lucarelli, em Campinas
Horário: 21h50
Juiz: Sálvio Spínola Fagundes Filho (SP)
 
 
Folha Online

Deixe seu Comentário

Leia Também

VIDEO CAPIVARA NA IGREJA
Capivara invade igreja: 'acho que ela veio rezar conosco', brinca Padre
BEBEDEIRA
Idoso conhece mulher, leva para casa é atacado a facadas
ROUBO DE CARGA
Três mil pessoas roubam carga de carne após carreta tombar e provocam novo acidente
AUXILIO POPULAÇÃO
Caixa credita 1ª parcela do Auxílio Emergencial nesta quinta para nascidos em maio
mulher carro beltrao 1 VIDEO
Mulher cai e fica ferida após ser flagrada em cima de carro em movimento
DESESPERADOR
Covid-19: Brasil registra 3.808 mortes em 24 horas
EXEMPLAR
Cidade modelo que vacinou 64% da população vê casos de covid-19 caírem 78%.
NOVO CÓDIGO DE TRANSITO
Novo Código de Trânsito entra em vigor na segunda-feira; veja mudanças
LOCKDOWN É A SOLUÇÃO?
Araraquara X Bauru: dois retratos do Brasil com e sem lockdown contra a covid-19
AGRICULTURA SUSTENTAVEL NO MUNDO
II Congresso Mundial de Integração Lavoura-Pecuária-Floresta deve receber 1 mil inscrições