Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
segunda, 10 de maio de 2021
Busca
Brasil

Palmeiras tenta "reconquistar sua casa" no Brasileiro

12 Ago 2004 - 17h32
Mais importante do que somar três pontos e seguir na luta pelas primeiras colocações no Brasileiro, o Palmeiras enfrenta o Fluminense nesta quinta-feira, às 20h30, disposto a recuperar a fama de implacável dentro do Parque Antarctica.

A equipe tenta agora resgatar a confiança contra um adversário que está entalado na garganta.

O último confronto entre as duas equipes, no campo palmeirense, em 2001, registrou uma goleada de 6 a 2 para os cariocas, num jogo que teve gol olímpico e pancadaria geral em campo.

Para piorar, a última apresentação do Palmeiras no Palestra Itália também não foi nada boa. O time sofreu a sua única derrota caseira no Brasileiro deste ano ao ser batido por 3 a 0 pelo Goiás.

Após a partida, o técnico Estevam Soares foi para os vestiários sob os gritos de burro, e Lúcio foi hostilizado pela torcida sob o coro de "pior lateral do mundo."

Mesmo após a reabilitação diante do Criciúma, o time ainda trabalha para recuperar o aproveitamento que o levou à liderança do campeonato. A última seqüência de vitórias da equipe aconteceu contra São Paulo, Paraná e Juventude. Depois, o time alternou altos e baixos na competição.

"O Campeonato Brasileiro está muito equilibrado. Até agora ninguém conseguiu abrir uma boa vantagem. Mas estamos trabalhando para ir acertando", afirmou o técnico Estevam Soares.

Se anda tropeçando em seu território, os palmeirenses tem compensado fora dele. O time é dono do melhor retrospecto da competição como visitante, com 59,2% de aproveitamento.

Dos 10 jogos que disputou com o mando no Nacional, o Palmeiras conquistou 19 pontos e aparece como o 13º melhor, segundo dados do Datafolha.

Até a derrota para o Goiás, o Palmeiras manteve uma invencibilidade de 20 partidas dentro de casa. "Vencer os jogos em casa nesse campeonato é obrigação. Se temos um bom rendimento fora, temos que repetir isso diante da torcida", afirmou Soares.

E, de fato, o treinador tem razão. Na série de dez jogos invictos do clube, o Palmeiras esteve na liderança em quatro rodadas. O último triunfo diante de sua torcida foi nos 2 a 0 sobre o Grêmio, no dia 17 de julho.

Com 37 pontos, Estevam Soares não esconde que a sua maior preocupação ainda é acertar o ataque. Desde a saída de Vágner Love para a Rússia, e a contusão do colombiano Muñoz, ele não conseguiu achar substitutos.

Com Renaldo em má fase técnica, e diante da impossiblidade de contar com Kahê --teve a liminar que o liberava do vínculo com o Nacional, seu antigo clube, cassada--, a opção fica por conta do de Thiago Gentil, destaque do time nos últimos jogos.

A novidade será o atacante Osmar, contratado recentemente junto ao Santo André. Ele participou do treino entre os titulares, e foi confirmado pelo treinador. "Não entro pressionado. Todos têm obrigação de fazer gols no time", disse o atacante.

O volante Magrão, que foi poupado dos treinos da semana, não deve ser problema para a partida contra o Fluminense. No entanto o departamento médico disse que a ausência do jogador foi apenas uma medida de precaução.

No Fluminense, o técnico Ricardo Gomes não teve a mesma sorte. Ele não poderá contar com o atacante Edmundo, que torceu o tornozelo contra o Paraná, jogo em que marcou os gols da vitória por 3 a 1. Romário, que está fora de forma, também não atuará no Parque Antarctica.

Sem os dois, o treinador não terá outra opção a não ser escalar o ataque com a dupla Alex e Mauro.

PALMEIRAS
Sérgio; Baiano, Gabriel, Nen e Lúcio; Alceu, Corrêa, Magrão e Élson; Thiago Gentil e Osmar.
Técnico: Estevam Soares

FLUMINENSE
Fernando Henrique; Leonardo Moura, Zé Carlos, Antônio Carlos e Júnior César; Marciel, Juca, Esquerdinha e Roger; Alex e Mauro.
Técnico: Ricardo Gomes

Local: estádio do Parque Antarctica, em São Paulo (SP)
Horário: 20h30
Juiz: Luciano A. de Almeida (DF)
 
Folha Online

Deixe seu Comentário

Leia Também

FAMOSIDADES
Pai da campeã do 'BBB 21' Juliette vive em casinha de barro na Paraíba
CACHAÇA
Jovem enfia garrafa no ânus durante bebedeira e vai parar no hospital
ESCALADA DA VIOLÊNCIA
Operação mais letal da história deixa 25 mortos no Jacarezinho
VITIMA DO MASSACRE
'Fiquei vendo costurarem os ferimentos. Chorava, orava e agradecia por ele estar vivo, diz mãe
FRIO - FÁTIMA DO SUL NOVA ONDA DE FRIO
Frio de origem polar começa a ser sentido novamente e terá geada
TERROR NA CRECHE
Sob forte emoção moradores de Saudades realizam velório coletivo das vítimas do ataque à creche
CHEGANDO FORTE
Frio chega com força e provoca geada no Sul
TERROR EM CRECHE
Jovem invade escola e mata três crianças e duas funcionárias
PÉSSIMA PROJEÇÃO
Covid-19: Brasil deve alcançar 575 mil mortes em 1º de agosto, diz instituto
SONHO INTERROMPIDO
Jovem perde noivo para a Covid-19 no dia do casamento: 'Nossos sonhos ficaram para trás'