Menu
SADER_FULL
sábado, 31 de outubro de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
JUNINHO DENTISTA NOVO
Brasil

Palmeiras perde em Belém e vê liderança escapar

21 Jul 2004 - 07h56
O Palmeiras foi derrotado na noite desta terça-feira pelo Paysandu, então antepenúltimo colocado, por 1 a 0, em Belém, e mais uma vez deixou escapar a liderança do Campeonato Brasileiro.

Além disso, o time do técnico Estavam Soares viu ser encerrada uma série invicta de dez partidas no Nacional --era a maior entre todos os times.

Com o resultado, o time do Parque Antarctica permanece com 30 pontos e foi ultrapassado pelo Santos, que goleou o Criciúma por 5 a 2 e chegou a 31. O Paysandu chegou a 17 pontos e segue na luta contra o rebaixamento.

Mais uma vez, o técnico palmeirense optou pelo 4-5-1, com apenas Kahê à frente --o atacante, que chegou a marcar quatro gols nos seus dois primeiros jogos, voltou a passar em branco.

O esquema cauteloso já havia falhado no jogo contra o Grêmio, na rodada passada. O time palmeirense só conseguiu chegar à vitória por 2 a 0 depois da entrada do atacante Thiago Gentil.

Mais preocupado em não tomar gol, o Palmeiras pouco criou na primeira etapa. Kahê ficou isolado na luta contra os zagueiros.

Sem conseguir a aproximação para as tabelas, o melhor momento do Palmeiras no jogo acabou vindo em uma jogada aérea. Nen cabeceou na pequena área e a bola raspou a trave do goleiro Paulo Musse, aos 19min.

Sem ameaçar o gol adversário, o time paulista passou a tentar chutes de longe. Pedrinho, com três finalizações, foi quem mais arriscou: três vezes.

O Paysandu passou a imprimir um ritmo mais forte e quase abriu o placar com Bebeto Campos, que aproveitou rebote de escanteio e chutou para a defesa de Sérgio.

No segundo tempo, as duas equipes voltaram mais objetivas. Com 10 min, o Palmeiras já tinha perdido duas chances, com Pedrinho e Élson.

Os paraenses também voltaram mais ofensivos e quase marcaram com Leonardo, após belo toque de Alonso.

Aos 32min, saiu o único gol da partida. Após cobrança de escanteio, o zagueiro Alex Pinho subiu sozinho para cabecear no ângulo esquerdo do goleiro Sérgio.
 
Folha Online

Deixe seu Comentário

Leia Também

TENTATIVA DE ESTUPRO
Vídeo mostra empresário assediando jovem na entrevista de emprego
PANE EM AVIÃO
'Sobrevivemos só com a água chuva', diz cantor de MT que ficou 24 dias na mata
PANDEMIA AINDA NÃO ACABOU
Pandemia avança e MS registra 555 novos casos de Coronavírus em apenas 24h
INCÓGNITA
Governo ainda não definiu como será o 13º de quem teve corte salarial
ANTICORPOS
Bebê nasce com anticorpos contra covid-19
Vítima contou violência sexual para a tia ESTUPRO DE VULNERÁVEL
Idoso é denunciado por estuprar filha de amigos e a enteada
FENÔMENO DA NATUREZA
Evento raro: Lua Azul poderá ser vista no Dia das Bruxas
AUXILIO POPULAÇÃO
Caixa deposita auxílio emergencial nesta 5ª feira para nascidos em novembro
FOI MAL
Bolsonaro recua e revoga decreto que facilita privatização dos postos do SUS
90% RECUPERADOS
Brasil tem 158,4 mil mortes por covid-19 desde início da pandemia