Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
segunda, 8 de março de 2021
SADER_FULL
Busca
Brasil

Palmeiras perde de virada para a Ponte e termina em 2º

17 Abr 2011 - 17h05Por Folha

Em um jogo insosso, o Palmeiras perdeu de virada para a Ponte Preta nesta tarde no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas por 2 a 1. Com o resultado, o Palmeiras perdeu a liderança da primeira fase para o São Paulo e vai enfrentar agora o Mirassol nas quartas de final. De quebra, a equipe comandada por Luiz Felipe Scolari perdeu uma invencibilidade de 15 jogos no ano. Já a equipe campineira enfrentará o Santos.

Desde o início da partida, marcada pelo forte calor e pela baixa intensidade no ritmo de jogo, as duas equipes mostraram que o que mais importava era não perder.

Os donos da casa estavam mais preocupados em parar de forma faltosa o Palmeiras, do que em criar oportunidades. Mas os visitantes, apáticos, só tinham uma jogada: os ataques pelos lados do campo com Cicinho pela direita e por Max Santos pela esquerda.

Kleber, sem a companhia de Valdivia, ficava isolado no ataque. Assim, para o Palmeiras marcar, teria que ser ou nas bolas paradas, mas a equipe não contava com o seu especialista no quesito, o volante Marcos Assunção, ou então contar com uma falha do time campineiro.

Aos 22min, aconteceu a falha inesperada. Max Santos chutou da entrada da área e o goleiro Bruno deixou a bola escapar por debaixo das suas pernas. 1 a 0 Palmeiras.

Mas o time alviverde não teve muito tempo para comemorar. Três minutos depois Márcio Diogo invadiu a área e chutou sem defesa para Deola. 1 a 1 em Campinas.

Mas mesmo depois dos dois gols, o jogo permaneceu muito truncado, pegado, faltoso e sem chances de gol de ambos os times.

Na volta para a segunda etapa, a Ponte mostrou estar mais disposta a buscar a vitória. E, aos poucos, foi ameaçando o goleiro Deola.
Primeiro com Márcio Diogo, que obrigou Deola a boa defesa. Depois com Guilherme, que acertou a trave. Lucas depois acertou outro chute que obrigou Deola a espalmar para escanteio.

E o Palmeiras seguia burocrático em campo, sem produzir chances de gol. Era questão de tempo até a Ponte marcar o seu tento.

Aos 29min, Renatinho recebeu na entrada da área e acertou belo chute no canto direito de Deola. Era a virada da Ponte, que deixava o Palmeiras na segunda posição.

Após o gol, o que se viu foi as duas equipes satisfeitas com o resultado. O que fica claro pela declaração do atacante Kleber, capitão do Palmeiras, após
a partida.

"Para a gente não faz diferença nenhuma [essa derrota]. E agora o campeonato começa, temos que mostrar a nossa força", afirmou o camisa 30 palmeirense.

Deixe seu Comentário

Leia Também

100 UTI = OBITO
Ministério da Saúde prevê 3 mil mortes por dia por covid-19 nas próximas duas semanas
TRISTEZA NA FAMILIA
'Não tem UTI,amo vcs':a história por trás do tuíte viral que revela mensagens de mãe morta por covid
DISPARO ACIDENTAL
Assessor em fazenda do cantor Leonardo morre vitima de tiro acidental
VIOLENCIA DOMESTICA
Vítima de violência doméstica escreve bilhete com pedido SOS em agência bancária: 'Ele tá ai fora'
ALERTA AO CPF
Confira se o seu CPF foi usado de maneira IRREGULAR por desconhecidos
VAMOS PREVENIR
Igreja Adventista vota documento com orientações sobre cultos e reuniões
ALERTA AOS JOVENS
O que está por trás da alta das internações de jovens com covid
BRASIL EM PÂNICO
Brasil tem novo recorde de mortes por covid em 24 horas: 1.910
100 TRÉGUA
Brasil registra 1.726 mortes em 24 horas e bate novo recorde na pandemia; total chega a 257,5 mil
EXECUÇÃO NA MADRUGADA
Dona de bar é degolada e corpo encontrado nos fundos do estabelecimento