Menu
BANNER IMPRESSORAS
terça, 9 de agosto de 2022
SADER_FULL
Busca
Brasil

Palmeiras arranca empate sofrido, retoma liderança e rebaixa Sport

12 Nov 2009 - 07h17Por Uol

Falhas infantis, Marcos cobrando laterais e gritos de "tem pipoqueiro jogando no Verdão". Tudo indicava que o Palmeiras daria um vexame no Parque Antarctica. Mas com gols de Deyvid Sacconi e Danilo no fim do segundo tempo, o time alviverde arrancou o empate por 2 a 2 contra o Sport e alcançou novamente a liderança provisória do Brasileiro. Pior para o clube rubro-negro, que sacramentou a ida para a segunda divisão com a igualdade.

O resultado deixou o Palmeiras com 59 pontos, ao lado do São Paulo. Apesar de levar a melhor no saldo de gols, o time alviverde pode ser ultrapassado novamente pelo time tricolor, além do Atlético-MG e Flamengo, que voltam a atuar no fim de semana.

"Ficou mais difícil, mas não impossível. O campeonato está aberto desde o começo e não é a hora de jogarmos a toalha. Os adversários ainda têm que jogar. Não vamos contar a vitória deles antes do tempo", comentou Danilo, ainda confiante. "O resultado foi péssimo. Não adianta achar que foi bom por termos saído de um 2 a 0. O título agora ficou bem difícil", discordou Marcos, mais abatido que o zagueiro.

O Sport, por outro lado, chegou aos 31 pontos com a igualdade e não evitou a queda para a segunda divisão. Na lanterna do campeonato, a equipe perdeu a chance de conquistar o primeiro triunfo fora de casa no torneio e agora não tem mais como sair da zona de descenso.

"Não sei se o juiz estava mal intencionado, mas com certeza ele nos prejudicou", lamentou o goleiro Magrão, enquanto ouvia gritos de "segunda divisão" a caminho do vestiário.

Assim como esperado, o duelo começou com o Palmeiras tomando iniciativa no ataque. De volta ao esquema 4-4-2, a equipe alviverde tentou pressionar, mas ao mesmo tempo deixou espaços na defesa. Até que Arce se aproveitou de uma dessas falhas e abriu o placar aos 11min.

Quando parecia que o Palmeiras voltaria a pressionar, o Sport encaixou bom contra-ataque e fez mais um com Wilson apenas cinco minutos depois. Enquanto isso, a torcida alviverde seguiu empolgada pedindo a entrada de Pierre.

No início do segundo tempo, Muricy Ramalho enfim acatou o pedido da torcida e colocou Pierre e Deyvid Sacconi nas vagas de Souza e Sandro Silva. Porém, a equipe da casa esbarrou na boa postura do Sport, que priorizava a posse de bola e segurava as investidas rivais.

O Palmeiras passou a ter mais domínio do meio-campo no decorrer da partida, mas abusou dos erros quando se aproximava da meta de Magrão. Aos 22min, o time alviverde teve o caminho facilitado com a expulsão de Durval. Apenas quatro minutos depois, os anfitriões aproveitaram. Deyvid Sacconi chutou forte após passe de Ortigoza e descontou.

Depois disso, o Palmeiras voltou a esbarrar na retranca do clube pernambucano para desespero da torcida. Até que aos 39min, Danilo completou para o gol em posição legal e empatou. Os jogadores do Sport reclamaram muito de um apito do juiz durante o lance, mas não impediram a igualdade.

Agora, além de ficar na torcida contra seus rivais no fim de semana, o Palmeiras se concentra em seu próximo compromisso diante do Grêmio, na próxima quarta-feira, no estádio Olímpico. Já o Sport volta a campo somente no dia 22, contra o Fluminense, na Ilha do Retiro.

PALMEIRAS 2 X 2 SPORT

PALMEIRAS
Marcos; Figueroa, Danilo, Maurício e Armero; Edmílson (Marquinhos), Souza (Deyvid Sacconi), Sandro Silva (Pierre) e Diego Souza; Ortigoza e Obina
Técnico: Muricy Ramalho

SPORT
Magrão; Igor, César e Durval; Élder Granja, Zé Antônio (Freire), Adriano Pimenta, Moacir e Dutra; Wilson (Madson) e Arce (Israel)
Técnico: Levi Gomes (interino)

Data: 11/11/2009 (quarta-feira)
Local: estádio Parque Antarctica, em São Paulo (SP)
Árbitro: Elmo Alves Resende Cunha (Fifa-GO)
Auxiliares: Fabrício Vilarinho da Silva (GO) e João Patrício de Araújo (GO)
Público: 17.133 torcedores
Renda: R$ 714.886,24
Cartões amarelos: Souza, Pierre, Edmílson (PAL); Zé Antônio, Moacir, Wilson, Durval 2, Magrão (SPO)
Cartão vermelho: Durval
Gols: Arce, aos 11min, Wilson, aos 16min do primeiro tempo; Deyvid Sacconi, aos 26min, Danilo, aos 39min do segundo tempo

Leia Também

TENTATIVA DE ASSASSINATO
Coroinha é esfaqueado no pescoço durante missa em igreja
AUXILIO CAMINHONEIRO
Caixa libera consulta ao Auxílio Caminhoneiro
VAMOS AJUDAR - COMPARTILHE
Casal que adotou 3 irmãos autistas vítimas de maus-tratos comove internautas
DESUMANIDADE
Polícia interdita casa de repouso por tortura e sequestro de idosos
DENUNCIADO POR VIZINHOS
Mãe e filho são executados e corpos escondidos dentro de sofá velho jogado em lote baldio
AUXILIO BRASIL
Governo amplia Auxílio Brasil e mais 23,7 mil famílias vão receber em MS
ASSASSINATO
Campeão mundial de jiu-jitsu, Leandro Lo morre após levar tiro na cabeça
COVID NO BRASIL
Covid-19: Brasil registra 261 óbitos e 40,4 mil casos em 24 horas
LENDA DO HUMORISMO
Jô Soares morre em São Paulo aos 84 anos
A CONTA GOTAS
Petrobras anuncia corte de R$ 0,20 no preço do diesel