Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
domingo, 11 de abril de 2021
Busca
Brasil

Pagode brasileiro tumultua vôo da volta da Seleção

26 Jul 2004 - 16h15
Ao som de pagode, e bastante festejada pelos torcedores, a Seleção Brasileira embarcou nesta tarde de volta para casa. Na bagagem, o título da Copa América, conquistado na tarde de domingo após a vitória nos pênaltis sobre a Argentina.

A empolgação dos jogadores era tão grande que os comissários de bordo precisaram pedir para que a batucada cessasse, e que todos ocupassem os seus lugares para que o avião pudesse decolar.

A ordem foi cumprida apenas pela metade: de seus lugares, jogadores e comissão técnica continuaram cantarolando e tocando instrumentos.

Desde a saída do hotel, o grupo foi aplaudido por peruanos em todo o trajeto do ônibus que levou o time ao aeroporto. No saguão, um encontro de modalidades: integrantes de outra seleção nacional, a de badminton (que disputava um torneio no Peru), se juntaram aos futebolistas para fotos e autógrafos.

A turma do samba, como sempre, era a mais animada. Maicon, Júlio Baptista, Edu e Diego são os jogadores que comandaram a festa, com instrumentos musicais que contagiaram os outros passageiros do vôo que traz a delegação de volta.

Os pagodeiros da Seleção estavam desfalcados de Luisão. O zagueiro, que passou a noite num hospital após sofrer um choque contra um rival na decisão, ainda estava em recuperação e preferiu ficar afastado do barulho.

Homenagem
Após a conquista da Copa América, dois jogadores da Seleção Brasileira receberam homenagens especiais nesta segunda-feira: o aniversariante Maicon e o zagueiro Luisão, que saiu do hospital de manhã.

Durante o almoço, em Lima, a delegação providenciou um bolo e cantou os parabéns para o lateral-direito. O curioso é que no ano passado, Maicon também comemorou o aniversário com os companheiros da Seleção, na Copa Ouro.

"Não poderia haver presente melhor", disse o jogador do Cruzeiro.

Já Luisão, que não pôde comemorar o título com o restante do grupo no gramado pois foi levado ao hospital devido a uma fratura no osso da face, recebeu a medalha de campeão das mãos do supervisor Américo Faria.

Deixe seu Comentário

Leia Também

NOVO CÓDIGO DE TRANSITO
Novo Código de Trânsito entra em vigor na segunda-feira; veja mudanças
LOCKDOWN É A SOLUÇÃO?
Araraquara X Bauru: dois retratos do Brasil com e sem lockdown contra a covid-19
AGRICULTURA SUSTENTAVEL NO MUNDO
II Congresso Mundial de Integração Lavoura-Pecuária-Floresta deve receber 1 mil inscrições
MORTANDADE
Brasil bate marca de 4 mil mortes por Covid registradas em um dia pela 1ª vez
COPA LIBERTADORES
Santos vence o San Lorenzo na Argentina e abre vantagem por vaga nos grupos da Libertadores
FATALIDADE
Técnico de informática morre após levar choque a partir de fone de ouvido
CANALHA
Pai comete estupro e diz que filha precisa saber "como é ter um homem"
SOB INVESTIGAÇÃO
Cantor gospel e pastor é encontrado morto e amarrado em árvore
CONTAMINAÇÃO
Igrejas superam mercado e consultório médico em risco de transmissão de Covid-19, aponta estudo
CRISE NA PANDEMIA
Número de brasileiros que vivem na pobreza quase triplicou em seis meses, diz FGV