Menu
ASSEMBLEIA DEZEMBRO 2021
quinta, 2 de dezembro de 2021
SADER_FULL
Busca
Brasil

Número de empresas cresce 60% em MS

10 Fev 2010 - 10h58Por Dourados Agora

As ações do Projeto de Panificação e Confeitaria, iniciado no ano passado pelo Sindepan/MS (Sindicato das Indústrias de Panificação e Confeitaria de Mato Grosso do Sul) e Sebrae/MS (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Estado), contribuíram para elevar o número de empresas desse segmento industrial em até 60%. Os dados foram apresentados ontem durante reunião de empresários das indústrias de panificação e confeitaria realizada na sede do Sebrae/MS em Campo Grande.
Segundo o presidente do Sindepen/MS, Raul Barbosa, com término previsto para 2011, o Projeto tem surtido efeito no Estado. "O ano de 2009 foi muito bom para gente, mostramos que com união é possível fazer grandes ações. Realizamos um bom trabalho em busca de novos associados, mostramos que o Sindicato é atuante e isso resultou na participação ativa de mais 15 empresas", avaliou, informando que os trabalhos tiveram início com 25 associados participativos e agora conta com 40.
Ele lembrou ainda que só em Campo Grande existem cerca de 180 empresas e que em todo o Estado são 450. "É importante que os empresários que participam do trabalho levem para os demais as informações que são repassadas, para que eles também venham se unir a nós. Hoje nós temos um apoio muito grande do presidente da Fiems, Sérgio Longen, que contribui para grandes feitos como as ações em comemoração à Semana do Panificador, quando realizamos cursos para os trabalhadores e distribuímos pães à população", relembrou.
O gestor do Projeto Panificação e Confeitaria do Sebrae/MS, Assis Luiz de Souza, apresentou na reunião os pontos a serem trabalhados durante a execução. "A intenção é fortalecer o setor da panificação e aumentar em mais 50% o número atual de empresas filiadas ao Sindicato até 2011 e em 5% o tíquete médio das empresas participantes do Propan (Programa de Apoio à Panificação)", declarou.
Durante a apresentação do resumo dos trabalhos realizados em 2009, também foram apontadas pela técnica Márcia Prates as ações de Responsabilidade Social desenvolvidas pelo Sesi. "É preciso conscientizar o empresário sobre a importância de envolver os funcionários nessas ações. Isso é bom para o trabalhador, para a empresa e para a sociedade, nós estimulamos e queremos que as empresas dêem continuidade às ações", reforçou.
Para o empresário Gustavo Rondon Nantes, da Panificadora Monte Líbano, a atuação do sindicato despertou a motivação dos trabalhadores e a união das empresas. "Nossa empresa ficou em primeiro lugar na arrecadação de agasalhos no ano passado e isso deixou os funcionários muito felizes e motivados. Nós empresários nos aproximamos dos demais e isso contribui para a troca de experiências", disse. Já Carlos Henrique Brites Taveira, da Panificadora Barcelonas, destacou os cursos profissionalizantes. "Vejo que isso fez grande diferença e que contribui para a atração de outras empresas", finalizou

Leia Também

DOENTIO
Mulher descongela geladeira e encontra corpo de bebê escondido em sacola
PONTE BIOCEÂNICA
Ponte Bioceânica vai ganhar nova data de lançamento; Bolsonaro e Marito participam
AÇÕES DO GOVERNO MS
Com estados da região Sul, Azambuja quer integração ferroviária e união para redução de carbono
PIX SAQUE
Pix Saque começa hoje:comércio vê nova ferramenta como chamariz para clientes,mas teme por segurança
TRAGÉDIA NA LINHA DO TREM
vítima comemorou aniversário do marido um dia antes de morrer com a filha em acidente com trem
COVID NO BRASIL
Covid-19: Brasil registra 229 óbitos e 9,2 mil novos casos
# PREVENIR É O REMÉDIO
Covid-19: Brasil registra 303 mortes e 12.126 casos em 24 horas
DESESPERO
Vídeo: veja momento em que calçada cede e pessoas caem em rio
PÂNICO NO AEROPORTO
Vídeo mostra passageiros gritando e muito desespero em avião da Azul; veja
EMBOSCADA
Jovem morre após ser atingida por tiro na cabeça