Menu
SADER_FULL
terça, 28 de setembro de 2021
Busca
Brasil

Novo semiaberto está 92% concluído e deve ser entregue em dezembro

10 Out 2009 - 09h24Por Notícias.MS

O Centro Penal Agroindustrial de Campo Grande, que vai funcionar em regime semiaberto e vai atender a massa carcerária masculina, está com 92% de sua estrutura física pronta e deve ser entregue no mês de dezembro deste ano. A informação é do secretário de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp), Wantuir Jacini, durante visita hoje de manhã (09) no canteiro de obras. A nova unidade está localizada na estrada da Gameleira, saída para Sidrolândia.

 

A visita “in loco” às obras do novo semiaberto contou com a presença do diretor presidente da Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário (Agepen), tenente-coronel, Deusdete de Oliveira Filho, do Superintendente de Políticas Penitenciárias, Aloysio Franco de Oliveira, do Superintendente de Políticas de Segurança Pública, Geraldo Garcia Orti, fiscais da Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos do Estado (Agesul) e empreiteiros da obra.

 

         O primeiro local a ser vistoriado pela comitiva foi o bloco administrativo com diversas salas e refeitório para funcionários. A unidade conta com cinco blocos, sendo de administração e quatro de celas. No local foi construído também dois barracões de serviços para qualificação dos internos. 

 

Na sequência as autoridades seguiram para o Bloco das Celas. De acordo com o engenheiro civil da empresa responsável pela obra, Rafael Nakasoni, o semiaberto terá 120 celas com capacidade para comportar cerca de mil presos. Do total de celas, 40 são individuais. Nas celas coletivas que vão abrigar pelo menos 12 internos, foram construídos treliches com banheiros. Em frente às celas, encontra-se um amplo espaço para o banho de sol.

 

De acordo com o diretor presidente da Agepen, coronel, Deusdete de Oliveira Filho, o novo semiaberto vai proporcionar a individualização dos internos por ordem de classificação da pena. “Esta estrutura nos dá esta oportunidade e dá para individualizar os internos de acordo com o perfil da pena, classificando em réus primários, ou de crimes menores e até mesmo aqueles que já estão trabalhando”, informou.

 

As autoridades visitaram as celas individuais e seguiram para os barracões de serviços destinados ao desenvolvimento de projetos com cursos de qualificação. Cada barracão tem cerca de 1.200 mil metros quadrados de área construída. Segundo Wantuir Jacini, nestes espaços deverão ser realizados diversos projetos que vão contar com o apoio de parceiros. “Teremos projetos na área de hortifrutigranjeiros em parceria com a Agraer, para consumo e comercialização dos produtos. Além disso, vamos contar com universidades, projetos de indústrias e fabricação de artefatos de concreto, como bloquetes”, adiantou.

 

Quanto à entrega da obra, Jacini, disse que a obra praticamente está pronta e que faltam acertar apenas alguns detalhes para a entrega da unidade no mês de dezembro. O novo semiaberto conta com mais de seis mil metros quadrados de área construída e está localizado numa área de 50 hectares. “O governo do Estado adquiriu esta área e construiu com recursos próprios este novo semiaberto. Nós investimos R$ 6,6 milhões para a execução da obra”, disse.

 

Wantuir Jacini também informou que a nova unidade penal vai abrigar internos da Colônia Penal Agrícola e semiaberto urbano, localizados em Campo Grande e do semiaberto do município de Dois Irmãos do Buriti.

 

Sobre o efetivo que vai trabalhar na nova unidade penal, o Superintendente de Políticas de Segurança Pública, Geraldo Garcia Orti, disse que serão pelo menos 45 policiais. Uma comissão formada por servidores da Agepen está elaborando um sistema de operacionalização de trabalho dentro da unidade.

 

 

Colônia Penal Agrícola

 

Com o remanejamento dos internos, o diretor presidente da Agepen, Deusdete de Oliveira Filho, disse que o governo tem interesse em continuar com aquela estrutura que, recentemente, passou por uma reforma.  

 

“Queremos continuar com aquele prédio e pretendemos conversar com a prefeitura municipal para ver o que pode ser feito. A ideia é de transformar aquele espaço num setor para atendimento de saúde de internos com problemas mentais, entre outras doenças”,

Leia Também

CARRO DESGOVERNADO
Aluno de 13 anos é atropelado e prensado contra muro de colégio por carro desgovernado
SOB INVESTIGAÇÃO
Amigos saem para pescar e encontram cadáver boiando em rio
DESASTRE AÉREO
Diretor da UPA que sofreu acidente aéreo no Pantanal morre em hospital
COVID-19
Covid-19: Brasil tem 15,7 mil novos casos e 537 mortes em 24 horas
+ AUMENTO
Gasolina sobe pela 8ª semana seguida nos postos, aponta ANP
PAN AMERICANO JUNIOR
Atleta de MS carregará as cores do Brasil no vôlei de praia nos Jogos Pan-Americanos Júnior
LIÇÕES DA BÍBLIA
Prefácio de Deuteronômio
ROTA BIOCEÂNICA
Comissão mista homologa consórcio que vai construir ponte da Rota Bioceânica em MS
CASTELO DE AREIA
Idoso casa com prostituta 35 anos mais nova e flagra com outro
DOENÇA DO SÉCULO
Servidor público é encontrado pendurado em árvore