Menu
SADER_FULL
terça, 2 de junho de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Novilho Precoce MS adere ao Agrotube e quer potencializar resultados

20 Jul 2010 - 14h55

    

A Associação Sul-Mato-Grossense de Produtores de Novilho Precoce – Novilho Precoce MS – é a mais nova integrante de conteúdo do Agrotube, o mais recente e inovador canal de comunicação rural da Internet. Sediada em Campo Grande/MS, a associação foi fundada em 1998 por um grupo de pecuaristas, visando atender a crescente demanda por carne bovina de qualidade comprovada e com identificação de origem, nos mercados nacional e internacional.

De acordo com o vice-presidente da associação, Alexandre Raffi, a parceria com o Agrotube vai potencializar os resultados do trabalho desenvolvido. “A Novilho Precoce MS vem proporcionando aos seus associados melhores condições para a negociação de seus produtos, mediante o estabelecimento de parcerias com frigoríficos, supermercados e distribuidores, com o compromisso de oferecer produtos de qualidade com regularidade, porém com remuneração diferenciada”, afirma.

Com a assinatura da parceria, A Novilho Precoce MS estará presente no mais novo canal de comunicação do país, voltado para o agronegócio. A empresa fará parte do grupo pioneiro que inaugurará a primeira leva de conteúdo do Agrotube, um serviço de distribuição de vídeos em alta resolução pela Internet, que entrou em atividade no mês de junho passado com a chancela e supervisão do Ministério da Ciência e Tecnologia.

O Agrotube é um canal diferenciado, inovador e bastante ousado, oferecido para um setor econômico vigoroso, que é o agronegócio brasileiro. Através dele é possível capacitar, tirar dúvidas, reciclar, informar e educar grupos técnicos, universitários, produtores rurais e todo o segmento do agronegócio. Seu conteúdo em alta definição pode ser utilizado em aulas, programas de televisão, apresentações, palestras, debates, etc. O Agrotube tem o objetivo de apresentar o melhor conteúdo audiovisual para o crescimento profissional dos envolvidos, desenvolver produtos e serviços, além de dar visibilidade para o empreendimento.

A Novilho Precoce MS enxerga o potencial do projeto e aposta no sucesso da parceria. “A cada dia que passa a Internet assume um peso maior na divulgação de resultados e trocas de experiências. Sendo assim, poderemos esperar que esta ferramenta se transforme em mais um canal de divulgação, tanto dos procedimentos adotados, quanto na divulgação de resultados, encontros, dias de campo e muito mais”, explica Alexandre Raffi.

A novidade, a distribuição pela internet e o impacto do vídeo em relação aos textos e fotos são os grandes pontos fortes do Agrotube. “De que adianta desenvolvermos um trabalho tão bem feito, como o que é o que nós propomos a fazer, se não divulgarmos isto? As pessoas devem ter conhecimento de que existem hoje, pecuaristas qualificados, que buscam uma produção respeitando princípios de conservação, manejos sanitários adequados, trabalho social e bem estar animal. O agronegócio não pode ser visto como um vilão, e sim como a solução do Brasil.  E para isso devemos lutar para mostrar o que temos de bom”, afirma Raffi.

Deixe seu Comentário

Leia Também

AUXÍLIO EMERGENCIAL
Caixa LIBERA 2ª parcela do auxílio de R$ 600 em contas dos beneficiários, veja os meses
ABSURDO
Médica relata ter sofrido agressões por parte de frequentadores de 'festas de corona'
TRAGÉDIA NA FAMILIA
Menino de 9 anos, acidentalmente mata irmã de 7 anos com espingarda
TRAGEDIA NA RODOVIA
Mulher gravida e marido morrem e criança fica ferida em acidente trágico
PANDEMIA CORONAVIROS
Vai ser ''um massacre'', diz ex-diretor da Saúde sobre flexibilizar isolamento
BOA NOTICIA
Bolsonaro diz que auxilio emergencial pode ter quarta parcela, mas pagando menos
PRAZO MÁXIMO
Acordo prevê máximo de 20 dias para análise de auxílio emergencial
FÁTIMA DO SUL - BOLETIM CORONAVÍRUS
BOLETIM: Fátima do Sul tem mais 04 casos confirmados, sobe para 69 e tem 12 pacientes recuperados
EPICENTRO DA COVID-19
Brasil aproxima de 30 mil mortes pela Covid-19
MEMORIAL
Os brasileiros que perderam a vida na Pandemia do Coronavírus