Menu
SADER_FULL
quarta, 28 de julho de 2021
Busca
Brasil

No cone sul do Estado, Zeca propõe medidas para acabar com desemprego

29 Jul 2010 - 18h05Por Fátima News com assessoria

O candidato a governador de Mato Grosso do Sul, Zeca do PT, visitou hoje cidades do cone sul do Estado, juntamente com sua esposa e candidata a suplente de senador, Gilda do PT, do candidato a senador Dagoberto Nogueira (PDT) e do deputado federal e candidato à reeleição, Vander Loubet (PT). Pela manhã Zeca esteve em Iguatemi e à tarde e noite, em Mundo Novo.  

 

 

 

Conversando com trabalhadores desses municípios, Zeca ouviu que um dos grandes problemas que assolam a região é o desemprego. No município de Iguatemi, por exemplo, um dos fatores que agravaram a situação foi o fechamento do frigorífico Frialto no mês de maio, que deixou mais de 700 pessoas desempregadas.

 

 

 

“Para reverter essa situação é preciso travar negociações diretas e construir um diálogo de credibilidade com os donos dos frigoríficos que já estão instalados nos municípios e também com os que pretendem se instalar. Eu trabalhei isso durante os meus oito anos de governo e dessa forma trouxemos diversos investimentos nesse setor, por isso pretendo retomar essas relações como governador”, explica Zeca.

 

 

 

Durante entrevista à rádio local Boa Nova FM, Zeca lembrou ainda que o frigorífico JBS (antigo Bertin), instalado em Campo Grande , foi trazido para cá em seu governo. “Hoje ele é um dos maiores frigoríficos do Brasil, com abate de 3,5 mil bois por dia e gerou 4 mil empregos para o Estado”.

 

 

 

Zeca falou ainda de das medidas de seu governo para incentivar a industrialização e a geração de empregos na região sul. “Uma das minhas metas é a redução da carga tributária e a criação de incentivos fiscais para os setores industriais e comerciais. Atualmente Mato Grosso do Sul possui o ICMS (imposto sobre operações relativas à circulação de mercadorias e sobre prestações de serviços) mais caros do Brasil e isso atravanca o crescimento econômico do estado, porque as empresas preferem se instalar em outros locais por que aqui os impostos são altos. Eu vou mudar esse cenário”, destaca Zeca.

 

 

 

Em Iguatemi, Zeca percorreu a avenida principal, conversou com moradores da cidade e recebeu o apoio de comerciantes e empregados. Marisa Freitas, que tem um pequeno comércio no centro da cidade, emocionou-se quando viu o candidato e Gilda. “Quando o Zeca era governador minha família chegou a receber o bolsa-escola. Aquele dinheiro me ajudou muito, porque foi graças à ajuda recebida que meus filhos puderam continuar estudando. Com muito esforço fomos juntando dinheiro para montar essa loja. Hoje não preciso mais do programa”, conta Marisa.

 

 

 

em Mundo Novo , Zeca do PT visitou as indústrias Dimatex e Cia Brasil, que juntas empregam mais de 400 trabalhadores. À noite, participa de ato político do lançamento da candidatura a deputado estadual do ex-prefeito Humberto Amaducci (PT).

 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

CONCURSO PÚBLICO
Caixa Econômica convocará 9 mil de concursos e abre mais mil vagas
BRASIL - 550.502 MORTES
Covid-19: país ultrapassa 550 mil mortes e tem 19,7 milhões de casos
COVID 19 NO BRASIL
Brasil registra 19,68 milhões de casos de covid-19 e 549,92 mil mortes
Foto: Mycchel Legnaghi - São Joaquim online PREVISÃO DO TEMPO
Maior frio do ano? Temperaturas negativas, geada e até neve!
TRABALHO ESCRAVO
Aliciamento de crianças: família de líderes religiosos é presa em operação da polícia
ATO OBSCENO
Homem é detido após entrar nu em culto evangélico
TRAIÇÃO
Vídeo: Mulher flagra marido com travesti dentro do carro e 'pancadaria come solta'
COVID 19 NO BRASIL
Brasil tem 1 órfão por covid a cada 5 minutos: 'Pensamos que crianças não são afetadas, mas sim
SELEÇÃO OLIMPICA
Brasil ameaça passeio em estreia contra a Alemanha, mas desperdiça chance de goleada histórica
TRAGÉDIA NO RIO
Barco vira com nove pessoas matando 3 crianças e 3 adultos