Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
segunda, 15 de agosto de 2022
BANNER IMPRESSORAS
Busca
Brasil

Nelore MS lança hoje marca própria para ampliar mercado

20 Set 2010 - 17h35Por Campo Grande News
Um dos produtos mais sofisticados e requisitados do mercado passa a ter marca própria de Mato Grosso do Sul, no intuito de ampliar o consumo e melhorar a rentabilidade para o produtor rural. A Nelore MS (Associação Sul-Mato-Grossense dos Criadores de Nelore) lança na noite de hoje o selo “Primo Corte”, em cerimônia de posse da nova diretoria, às 19h30.

De acordo com o engenheiro agrônomo Alexandre Scaff Raffi, que assume a diretoria para o biênio 2010-2012, o selo da carne produzida em Mato Grosso do Sul vai identificar o produto local e possibilitar que o público reconheça a qualidade.

“A associação já possui parcerias com grandes redes de varejo e quer ampliar o comércio do novilho precoce sul-mato-grossense. A produção desta carne mais nobre passa por boas práticas, que respeitam o meio-ambiente e visam um público que aprecia um produto com qualidade”, destaca Alexandre.

Atualmente, a carne de novilho é vendida para restaurantes e churrascarias do Estado e de São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Brasília. No ano passado, foram abatidos 70 mil animais em Mato Grosso do Sul.

“O grande desafio para o produtor é conseguir melhorar seu modelo de gestão, diminuir custos de produção, para ter maior ganho em todas as etapas da cadeia produtiva. Muitas vezes é melhor ganhar durante a produção do que receber a mais no valor final”, acrescenta o novo presidente.

A Nelore MS tem 218 produtores associados. A cerimônia de posse acontece na Famasul (Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul).

Leia Também

ACIDENTE FATAL
Motociclista de 27 anos bate na traseira de trator e morre em vicinal
TRAGEDIA NA RODOVIA
Sete pessoas morrem e três ficam feridas em acidente entre caminhão e van
AUXILIO POPULAÇÃO
Governo libera empréstimo consignado para beneficiários do Auxílio Brasil
TRAGÉDIA
Carro explode durante abastecimento e amputa pernas de frentista
NOITE DE TERROR
Moradores relatam medo vivido em confronto com oito mortos
ACIDENTE DE TRABALHO FATAL
Trabalhador morre soterrado ao fazer limpeza em silo de grãos
AGRESSÃO NA ESCOLA
Mulher invade escola e espanca aluna a pauladas
COVID NO BRASIL
Covid-19: Brasil ultrapassa o número de 680 mil mortos pela doença
AUXÍLIO BRASIL AUXILIO POPULAÇÃO
Auxílio Brasil de R$ 600 e vale-gás saem hoje para mais um grupo
BRASIL + POBRE
Estudo mostra alta da pobreza em regiões metropolitanas