Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
terça, 27 de outubro de 2020
SADER_FULL
Busca
ZANZI
Brasil

Naviraiense enfrenta o Chapadão de olho no regulamento

20 Mai 2010 - 16h30Por Orisvaldo Sales
Após golear a equipe do Chapadão por 4 a 0, no jogo de ida pelas semifinais do Campeonato Estadual Sul-mato-grossense, o Naviraiense viaja até a cidade de Chapadão do Sul com o regulamento debaixo dos braços. Um empate fora de casa garante o Jacaré do Conesul na final do certame pelo segundo ano consecutivo, colocando assim o time na briga direta pelo bicampeonato. Além disso, quem avançar garante uma das vagas do Estado na Copa do Brasil de 2011. A partida decisiva está marcada para às 14h de domingo (23) no estádio municipal de Chapadão.

O técnico do Naviraiense Paulo de Resende (Paulinho) que volta a equipe após cumprir três jogos de suspensão imposto pelo TJD/MS, avalia seu retorno a beira do campo como um incentivo a mais para a disputa da vaga. “A gente gosta de estar ali, é claro que do lado de fora você tem uma visão mais ampla do jogo, mas dentro de campo fica mais fácil passar instruções e vibrar junto com a equipe”, avaliou o treinador.

Para o treinador do Jacaré do Conesul, a equipe entra em campo neste domingo sabendo do que precisa ser feito em campo para conquistar a vaga a final. Ele lembra que uma vantagem foi construída, e isso é importante, pois da uma tranqüilidade a mais para a equipe em campo. “Temos uma vantagens nas mãos, mas temos que jogar como sempre jogamos. Não vamos nos atirar para cima deles, mas a cada gol que fizermos, eles (Chapadão) terão que correr em dobro e teremos que saber aproveitar esta vantagem”, comenta Paulinho.

Paulinho lembrou dos desfalques que a equipe terá na zaga para o jogo. O Naviraiense entra em campo sem nenhum zagueiro de oficio, pois três zagueiros estão suspensos – Jaime e Moreira pegaram 8 e 5 jogos, respectivamente de suspensão imposto pelo TJD/MS, Macalé recebeu terceiro amarelo e não joga. Os outros desfalques são os zagueiros Junior Camaçari e Célio Lima, ambos contundidos estão fora do Estadual. “Temos estas preocupações para o setor defensivo. Temos ainda algumas dúvidas com relação a escalação, mas não temos muitas opções”, lamentou Paulinho.

Se na parte defensiva o Naviraiense tem seus desfalques, o ataque terá a volta do meia-atacante Jean batatais que se recuperou de uma contusão. Este está a disposição do técnico Paulo de Resende. O setor ofensivo pode ser uma das armas para a equipe conseguir a classificação. Pelo Estadual foram 45 marcados, sendo o mais positivo da competição. A esperança de gols esta nos pés de dois jogadores o meia Biro e o atacante Tom com 11 gols cada, sendo uns dos artilheiros do Estadual. Juntos eles balançaram as redes 19 vezes, a metade do time.

O Naviraiense faz nesta sexta-feira (21) às 14h o último coletivo antes da partida decisiva contra o Chapadão. Logo mais a noite por volta das 23h, a delegação embarca para Chapadão do Sul. Serão 675 quilômetros de estrada, pouco mais de 10h de viagem.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL - 157.397 MORTES
Brasil tem mais 263 mortes e 15.726 novos casos de covid-19
ALIVIO NO BOLSO
Petrobras reduz preços de gasolina e diesel a partir desta terça (27)
BARBÁRIE
Marido mata mulher a facadas dentro de casa durante almoço de domingo
CAPOTAMENTO
Carro capota várias vezes ao fazer curva na MT-412 e mata fotógrafo
BRASIL - 157.134 MORTES
Brasil acumula 5,3 milhões de casos e 157 mil mortes por covid-19
AJUDA FINANCEIRA
Caixa paga 2ª parcela de R$ 300 da extensão do auxílio emergencial
SIM A VIDA
Brasil se une a Egito, Indonésia, Uganda, Hungria e EUA em declaração contra o aborto
Invasão em residência acaba morador morto por tiro acidental TRAGÉDIA NA FAMILIA
Homem mata o próprio irmão ao atirar em invasor de residência
GUERRA DA VACINA
Bolsonaro diz que não comprará vacina chinesa, mesmo se aprovada pela Anvisa
Motorista da carreta diz que ainda tentou desviar, mas não conseguiu DOENÇA DO SÉCULO
Menor pega carro escondido, joga contra carreta e morre na hora