Menu
BANNER EMAGRECEDOR VICENTINA
domingo, 18 de abril de 2021
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
Brasil

Nadadora brasileira é eliminada, mas bate recorde

16 Ago 2004 - 15h10
A caçula da equipe brasileira de natação, Joana Maranhão de 17 anos, ficou em décimo primeiro lugar na colocação geral dos 200m medley, resultado que não garantiu a permanência dela no torneio. Entretanto, a nadadora superou a sua maior rival, a argentina Georgina Bardach, e bateu o novo recorde sul-americano na prova 2min15s43. A marca anterior era de Georgina.
A ucraniana Yana Klochkova foi a primeira colocada no geral e é a favorita para levar o ouro. Outras fortes candidatas a compor o pódio são as norte-americanas Amanda Beard e Katie Hoff.
A pernambucana Joana Maranhão estreou esse ano em Olimpíadas e, apesar de deixar Atenas sem nenhuma medalha no peito, traz pra casa dois recordes, o brasileiro nos 400m medley e o sul-americano nos 200m medley.
 
 
 
Campo Grande News

Deixe seu Comentário

Leia Também

VIDEO CAPIVARA NA IGREJA
Capivara invade igreja: 'acho que ela veio rezar conosco', brinca Padre
BEBEDEIRA
Idoso conhece mulher, leva para casa é atacado a facadas
ROUBO DE CARGA
Três mil pessoas roubam carga de carne após carreta tombar e provocam novo acidente
AUXILIO POPULAÇÃO
Caixa credita 1ª parcela do Auxílio Emergencial nesta quinta para nascidos em maio
mulher carro beltrao 1 VIDEO
Mulher cai e fica ferida após ser flagrada em cima de carro em movimento
DESESPERADOR
Covid-19: Brasil registra 3.808 mortes em 24 horas
EXEMPLAR
Cidade modelo que vacinou 64% da população vê casos de covid-19 caírem 78%.
NOVO CÓDIGO DE TRANSITO
Novo Código de Trânsito entra em vigor na segunda-feira; veja mudanças
LOCKDOWN É A SOLUÇÃO?
Araraquara X Bauru: dois retratos do Brasil com e sem lockdown contra a covid-19
AGRICULTURA SUSTENTAVEL NO MUNDO
II Congresso Mundial de Integração Lavoura-Pecuária-Floresta deve receber 1 mil inscrições