Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sábado, 16 de outubro de 2021
Busca
Brasil

Músicos questionam no STF proibição de showmícios

11 Jul 2006 - 14h39
O STF (Supremo Tribunal Federal) recebeu uma Adin (Ação Direta de Inconstitucionalidade) da Ordem dos Músicos, em que a entidade questiona a proibição de showmícios para a campanha eleitoral deste ano. A Ordem pede a concessão de uma liminar até que o mérito da questão seja julgado pelo Supremo, além de demandar a declaração de inconstitucionalidade da nova norma eleitoral.

A chamada "minirreforma eleitoral",aprovada em maio, trouxe como novidades para a campanha eleitoral deste ano, além da proibição dos showmícios, o veto às doações eleitorais em dinheiro vivo e à distribuição de brindes (camisetas, bonés, chaveiros), além de disciplinar a prestação de contas. Os objetivos principais da reforma foram reduzir os custos de campanha e aumentar a transparência nos gastos para evitar a prática do caixa dois.

A entidade dos músicos argumenta que a lei contraria a Constituição em seu artigo 5º, que trata da "livre expressão da atividade artística" e do "exercício do trabalho". Os advogados também sustentam que a lei contraria o artigo 6º, que trata o trabalho como "direito social do indivíduo".

 
Folha Online

Leia Também

LIÇÕES DA BÍBLIA
Ame o Senhor, seu Deus
BRASIL VERDE
Governadores avançam na criação de consórcio em defesa do desenvolvimento sustentável
LIÇÕES DA BÍBLIA
Estudo adicional
LIÇÕES DA BÍBLIA
Outras imagens
LIÇÕES DA BÍBLIA
Seu povo especial
REVOLTANTE
Vanessa, de 18 anos, é atropelada e morre após reagir a assédio
LIÇÕES DA BÍBLIA
O livro da aliança
PAVOROSO
Acumulador de lixo transforma rua de cidade modelo em paraíso das ratazanas
JOGOS MORTAIS
Escola envia carta aos pais alertando sobre a série 'round 6'
NAUFRÁGIO
Barco naufraga e duas pessoas desaparecem; buscas continuam nesta segunda (11)