Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
domingo, 20 de setembro de 2020
SADER_FULL
Busca
ZANZI
Brasil

Murilo defende ação do governo federal em auxílio aos brasiguaios

12 Ago 2010 - 14h10Por Fátima News

Em entrevista concedida ao programa “Caminhos da Produção”, da Agromix TV, o candidato a senador Murilo Zauith defendeu a intervenção do governo federal como forma de se resolver os problemas enfrentados pelos brasiguaios que estão acampados no município de Itaquiraí. Para ele, a questão tem caráter não apenas social, mas também diplomática, e merece atenção especial por parte do Itamarati.

“Esses brasileiros estão retornando ao Brasil por conta da pressão do governo paraguaio, que estabeleceu limites para que possam investir na produção rural. Praticamente estão sendo expulsos do país vizinho, enfrentando inclusive a pressão por pare dos campesinos”, disse o candidato, ao lembrar que no Brasil os paraguaios são tratados com respeito e que têm os seus direitos assegurados pela legislação.

“No caso dos brasiguaios, o tratamento por parte do governo do Paraguai não é de respeito e é por isso que o problema só será solucionado pelo governo federal, por meio do Itamarati, já que se trata não apenas de uma questão social, mas também diplomática”, observou Murilo. Em função do deslocamento das cerca de 650 famílias para Itaquiraí, o impacto sofrido pelo município é significativo.

“A prefeitura está enfrentando dificuldades para atender as demandas sociais resultantes da instalação dessas famílias no município. São pessoas que necessitam de amparo, de atenção à saúde, de segurança, alimentação e de uma série de outros serviços que a prefeitura não tem condições de prestar”, argumentou.

Segundo Murilo, o governo do Estado vem desenvolvendo ações visando minimizar o sofrimento dessas famílias, mas reafirmou que o problema só será solucionado se a União se envolver diretamente na questão. “Naquilo que é possível, governo do Estado e prefeitura estão trabalhando, mas só o governo federal pode solucionar o problema, em definitivo”, disse ele.

Além de sul-mato-grossenses, integram o grupo denominado brasiguaios famílias do Paraná e de outros Estados. O Programa “Caminhos da Produção” é apresentado pelo presidente da Acrissul, Francisco Maia. Da entrevista com Murilo participou José Felício, advogado e ex-secretário de Fazenda de Mato Grosso do Sul.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Caixa com cenouras de boa qualidade 100 DESPERDÍCIOS
Governo cria Rede de Bancos de Alimentos para combater desperdício
Ainda de acordo com a atualização, 567.369 pessoas estão em acompanhamento e outras 3.753.082 se recuperaram. PANDEMIA
Covid-19: Brasil acumula 4,4 milhões de casos e 134,9 mil mortes
Os beneficiários nascidos em janeiro  3,9 milhões de pessoas  poderão sacar AUXILIO EMERGENCIAL
Caixa abre 770 agências amanhã das 8h às 12h
Apesar do esforço médico a adolescente não resistiu. DESCARGA FATAL
Adolescente segura extensão de energia e morre após sofrer descarga elétrica
Assaltante magro está com um revólver na mão direito e boné na esquerda TERROR NA RODOVIA
Vídeo mostra ação extremamente violenta de ladrões em Rodovia
As imagens mostram que a vítima estava prestes a sair de moto VIOLENCIA NA CIDADE
Homem é flagrado agredindo e tentando atropelar a ex; veja vídeo
Bolsonaro autorizou estudos para a área. PROGRAMA ASSISTENCIAL
Após desistir do Renda Brasil, Bolsonaro autoriza criação de novo programa social
Bolsonaro com Ricardo Barros APREENSÃO
Gaeco cumpre mandado em escritório de Ricardo Barros, lider do governo Bolsonaro na Câmara
presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ) AGORA
Maia testa positivo para Covid-19, informa assessoria do deputado
 Joice Pastre, 27 anos, morreu na última sexta-feira (11) GESTO NOBRE
Família doa órgãos de jovem que sofreu aneurisma cerebral