Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
domingo, 20 de setembro de 2020
SADER_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Mulheres ganham apenas 60% do salário dos homens no Brasil

13 Out 2010 - 07h28Por Folha Online

O Brasil caiu quatro posições no ranking de igualdade de oportunidades entre homens e mulheres. Relatório do Fórum Econômico Mundial mostra que o país ocupa a 85ª posição, entre 134 países. No ano passado, ocupava a 81ª. No ranking geral, o país perde para países como África do Sul (12ª posição), Cuba (24ª) ou Romênia (67ª).

O estudo mostra as diferenças entre a população masculina e a feminina em diversos aspectos socioeconômicos, como salários, nível educacional, representatividade política e expectativa de vida. A renda estimada das mulheres equivale a apenas 60% da dos homens (US$ 7.190 contra US$ 12.006).

As quatro primeiras posições da lista -representam maior igualdade entre os sexos- são ocupadas por países nórdicos: Islândia, Noruega, Finlândia e Suécia, respectivamente.

“Pequenas diferenças entre os sexos estão ligadas à alta competitividade econômica”, disse Klaus Schwab, presidente do Fórum Econômico Mundial.

O estudo deste ano é o quinto realizado, e os dados mostram evolução. “Dos países acompanhados nesse tempo, 86% reduziram suas diferenças entre homens e mulheres”, disse Saadia Zahidi, coautor do relatório.

PARTICIPAÇÃO POLÍTICA

A pesquisa do Fórum Econômico Mundial leva em conta quatro fatores: o acesso das mulheres a oportunidades econômicas, educação, taxas de mortalidade e participação política. No caso do Brasil, o levantamento mostra que o país precisa melhorar nos dois primeiros itens, está muito bem no terceiro mas está numa posição bastante ruim no último, o que, justamente, tem maiores chances de sofrer mudanças drásticas no curtíssimo prazo.

Segundo o levantamento do Fórum, o país estaria no topo do ranking somente considerando a igualdade entre os gêneros no acesso aos serviços de saúde. A posição do país piora sensivelmente quando se fala do acesso das mulheres à educação (63ª posição, no ranking específico para esse item) e nas oportunidades econômicas (66ª posição), sempre considerando a condição dos homens no tocante aos mesmos aspectos.

Mas é no acesso das mulheres às posições de poder político que a pesquisa detecta as maiores fraquezas do Brasil, que nesse quesito ocupa a 112ª posição entre os países.

De acordo com os responsáveis pelo levantamento, o país caiu no ranking geral por conta de “pequenos decréscimos” nos níveis de acesso à educação e de poder político. “Contudo, no tempo em que esse Informe vai para a impressão, o Brasil está sob perspectiva de eleger sua primeira presidente mulher” (em tradução livre), reconhecem os pesquisadores, no relatório.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Caixa com cenouras de boa qualidade 100 DESPERDÍCIOS
Governo cria Rede de Bancos de Alimentos para combater desperdício
Ainda de acordo com a atualização, 567.369 pessoas estão em acompanhamento e outras 3.753.082 se recuperaram. PANDEMIA
Covid-19: Brasil acumula 4,4 milhões de casos e 134,9 mil mortes
Os beneficiários nascidos em janeiro  3,9 milhões de pessoas  poderão sacar AUXILIO EMERGENCIAL
Caixa abre 770 agências amanhã das 8h às 12h
Apesar do esforço médico a adolescente não resistiu. DESCARGA FATAL
Adolescente segura extensão de energia e morre após sofrer descarga elétrica
Assaltante magro está com um revólver na mão direito e boné na esquerda TERROR NA RODOVIA
Vídeo mostra ação extremamente violenta de ladrões em Rodovia
As imagens mostram que a vítima estava prestes a sair de moto VIOLENCIA NA CIDADE
Homem é flagrado agredindo e tentando atropelar a ex; veja vídeo
Bolsonaro autorizou estudos para a área. PROGRAMA ASSISTENCIAL
Após desistir do Renda Brasil, Bolsonaro autoriza criação de novo programa social
Bolsonaro com Ricardo Barros APREENSÃO
Gaeco cumpre mandado em escritório de Ricardo Barros, lider do governo Bolsonaro na Câmara
presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ) AGORA
Maia testa positivo para Covid-19, informa assessoria do deputado
 Joice Pastre, 27 anos, morreu na última sexta-feira (11) GESTO NOBRE
Família doa órgãos de jovem que sofreu aneurisma cerebral