Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quinta, 22 de outubro de 2020
SADER_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Mulheres de MS estão na etapa nacional do Prêmio Sebrae

20 Mar 2007 - 10h22

No próximo dia 28 de março, acontece a cerimônia de premiação nacional do Prêmio Sebrae Mulher Empreendedora, em que duas sul-mato-grossenses são finalistas. Com as histórias empreendedoras, “Esperança, nome de mulher” e “Viver e empreender é um grande negócio”, Marinez Zatta e Isabel Doering Muxfeldt, respectivamente, pretendem surpreender e conquistar o prêmio.

 

Marinez Zatta concorre na categoria “Proprietárias de micro e pequenas empresas”, por ser dona do Hotel Santarém, em Nova Alvorada do Sul. “Planejei e cheguei aonde sonhei, neste percurso passei fome, mas hoje, colho o fruto do meu trabalho honesto. Emociono-me ao olhar meus filhos e saber que tenho como prepará-los para o futuro”, relata em sua história. 

 

Já a artesã e designer Isabel Doering Muxfeldt concorre na categoria “Membros de grupos de produção formais (cooperativas e associações)”, por ser associada à Artems (Associação dos Artesãos de Mato Grosso do Sul). Ela trabalha com o grupo Jóias do Pantanal, em Campo Grande, que produz biojóias e artigos de decoração com chifre bovino.

 

Isabel relata: “Eu sempre fui muito persistente, aprendi que todo problema tem sua solução, e que muitas vezes é encontrada na manhã seguinte, e que dando um passo de cada vez, chega-se ao destino que se quer. Destes quatro anos de caminhada, o que me deixa emocionada é a reconquista da auto-estima de todos nós do grupo”.

 

Com mais de 1,7 mil inscrições em todo o País, a cerimônia será no dia 28 de março (quarta-feira), às 19 horas, no Hotel Nacional, em Brasília. Duas mulheres de cada região serão premiadas, totalizando 10 ganhadoras nacionais, que receberão como prêmio troféus e um curso promovido pela Fundação Nacional da Qualidade (FNQ), a ser ministrado em abril, em São Paulo.

 

Prêmio

O Prêmio Sebrae Mulher Empreendedora, que tem como objetivo divulgar ações bem-sucedidas gerenciadas por mulheres ou grupos de mulheres que sirvam de exemplo para quem deseja abrir um negócio próprio, ocorre em quatro etapas: estadual, regional, nacional e internacional. As categorias são divididas em 'proprietárias de micro ou pequenas empresas' e ‘membros de grupos de produção formais' (cooperativas e associações).

 

Segundo a interlocutora do prêmio no Estado, Edy Ponzini, a iniciativa tem como objetivo divulgar ações bem-sucedidas gerenciadas por mulheres ou grupos de mulheres que sirvam de exemplo para quem deseja abrir um negócio próprio. “As histórias inscritas foram avaliadas por uma comissão julgadora, que analisaram se o caso pode incentivar outras pessoas que querem empreender, se houve criatividade na ação empreendida, capacidade de transformar um sonho em realidade, e compromisso da mulher com a melhoria de sua aprendizagem e de seus colaboradores, entre outros critérios”, comenta.
 
 
 
 
 
Fátima News

Deixe seu Comentário

Leia Também

Invasão em residência acaba morador morto por tiro acidental TRAGÉDIA NA FAMILIA
Homem mata o próprio irmão ao atirar em invasor de residência
GUERRA DA VACINA
Bolsonaro diz que não comprará vacina chinesa, mesmo se aprovada pela Anvisa
Motorista da carreta diz que ainda tentou desviar, mas não conseguiu DOENÇA DO SÉCULO
Menor pega carro escondido, joga contra carreta e morre na hora
BRASIL - 155.403 MORTES
Covid-19: Brasil tem 24.818 novos casos em 24 horas
AJUDA
Caixa Econômica paga auxílio emergencial para 5,2 milhões de beneficiários
CORONAVIRUS
Morre voluntário brasileiro que participava de testes da vacina de Oxford
MORTE SUBITA
Idoso morre em voo de Cuiabá para SP; avião faz pouso de emergência
BRASIL - 154.176 MORTES
Covid-19: Brasil tem mais 271 óbitos e 15.383 novos casos em 24h
TRAGÉDIA NA CIDADE
Acidente entre trem e e micro-ônibus deixa uma mulher morta e feridos
VEJA VIDEO
Índio precisa buscar socorro a cavalo após ataque de onça