Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sexta, 17 de setembro de 2021
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
Brasil

Mulher traída arranca pênis de marido com dentada

14 Set 2004 - 15h34
Um integrante da tribo Maasai, no Quênia, foi espancado e teve seu pênis arrancado por sua esposa com uma dentada após ela ter suspeitado que estava sendo traída. Saloon Ole Mewet, de Ngong, no sul do país, disse à BBC que sua esposa o atacou enquanto ele dormia.

Seus gritos chamaram a atenção da vizinhança, e ele foi levado a um hospital local onde recebeu pontos. Mewet, que registrou o incidente na polícia, disse que sentiu "tanta dor" que não pôde fazer nada a não ser gritar.

Os homens da tribo Maasai, que têm o costume de bater em suas mulheres, não gostam de ser expostos perante sua comunidade. "Se você não bate na sua mulher, você é considerado um marido subordinado, o que não é permitido em nossa comunidade", afirmou o membro mais velho dos Maasai, Johnson Ole Sipitiek.

Sem precedentes
No dia do incidente, Mewet voltou para casa às 22h e foi espancado por sua mulher logo depois que adormeceu. Após bater no marido e derrubar os seus dentes da frente, a mulher arrancou os testículos de Mewet com uma dentada. Apesar de enfrentar resistência ela ainda conseguiu tirar seu pênis com uma mordida.

"Não tenho um pênis agora", disse Mewet, mostrando para o repórter da BBC sua cicatriz.

Ele admitiu que tinha uma namorada, mas disse que não entendia a atitude de sua mulher porque ela sabia que ele tinha outras namoradas quando eles se casaram. "Ela sabia que eu tinha muitas namoradas e não sei por que reclamou quando eu tive uma outra", afirmou.

Segundo Mewet, não há precedentes de castração na cultura Maasai, já que não existe punição tradicional para o caso. "Se você mata alguém, tem que pagar 49 vacas. Mesmo se você tirou os dentes de alguém, é uma ovelha. Mas isso nunca aconteceu a um Maasai", disse.

Mewet afirmou não ter outra opção senão processar sua esposa na Justiça. O pai de Mewet disse que eles planejavam matar uma ovelha para remover qualquer perigo de maldição.

 

BBC Brasil

Deixe seu Comentário

Leia Também

TRIBUNAL DO CRIME
Traficantes enterram mulher viva para vingar denúncia
TEMPESTADE
Temporal derruba árvore sobre carros e deixa bairros no escuro
VOLTOU A SUBIR
Covid-19: ministério registra 34,4 mil casos e 643 mortes em 24 horas
COMOÇÃO E REVOLTA
Menina de 5 anos é morta com tiro na cabeça enquanto caminhava para comprar lanche
CEF de Fátima do Sul OPORTUNIDADE
Caixa abre concurso com salários de mais de R$ 3 mil; confira
QUASE 600 MIL MORTES
Covid-19: mortes sobem para 588,5 mil e casos, para 21,03 milhões
LIÇÕES DA BÍBLIA
Uma rua de mão dupla
LATROCINIO
Dupla invade casa, tranca mulher e crianças em quarto e mata homem degolado
SAQUE EMERGENCIAL
Caixa cria calendário para liberar nova rodada de dinheiro do FGTS
TRAGEDIA AÉREA
Acidente aéreo mata sócio da Raizen e outras seis pessoas