Menu
SADER_FULL
terça, 20 de outubro de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ZANZI
Brasil

Mulher morre após fazer tratamento para alisar cabelos

21 Mar 2007 - 10h52

Uma dona-de-casa de 33 anos morreu em Porangatu (GO), depois de passar por um tratamento para alisar os cabelos. A polícia investiga a hipótese de que Maria Ení da Silva teve uma intoxicação provocada pelos produtos usados na "escova gradativa" feita em um salão da cidade.

Segundo o policial militar Valdivino Eterno da Silva, irmão da vítima, Maria Ení aplicou uma mistura de cremes e formol nos cabelos no sábado (17) e foi orientada a não lavar a cabeça durante três dias, para que os produtos fizessem efeito. Durante esse período, a dona-de-casa reclamou de dores de cabeça, coceira no couro cabeludo e dificuldades para respirar.

Na madrugada de terça-feira (20), Maria Ení passou mal e foi levada para um hospital público. Ela foi liberada e, horas mais tarde, teve outro mal-estar. Desta vez, foi encaminhada para outro hospital, mas não sobreviveu. "Ela teve asfixia depois que lavou os cabelos para tirar os produtos", diz o irmão.

A delegada Cynthia Christyane Alves da Costa, que investiga o caso, informou que a dona do salão onde foi feita a escova gradativa não está na cidade, mas autorizou a retirada dos produtos usados no tratamento para análise.

Cynthia deve ir até o estabelecimento nesta quarta-feira (21) para buscar amostras das substâncias. "Por enquanto, a principal suspeita é de que houve uma intoxicação", afirma a delegada. "Vamos verificar também se ela ingeriu algum outro produto nos últimos dias, que podem ter provocado reação."

O laudo sobre a causa da morte da dona-de-casa deve ficar pronto em 30 dias.

 

 

G1

Deixe seu Comentário

Leia Também

FAMOSIDADES
Luan Santana e Jade Magalhães terminam noivado de 12 anos
CORONAVIRUS NOS ANIMAIS
Gato é o primeiro animal no Brasil que testa positivo para o Coronavirus
ABSURDO
Enfermeiros, fisioterapeuta e médico são afastados após denúncia de estupro na UTI
BRASIL - 153.905 MORTES
Brasil registra 10,9 mil novos casos de covid-19 em 24 horas
AUXILIO EMERGENCIAL
Caixa paga hoje auxílio emergencial de R$ 300 a 1,6 milhão do Bolsa Família
BRASILEIRÃO
Com possível 'adeus' de Soteldo, Santos vence o Coritiba fora de casa
HORÁRIO DE VERÃO
HORÁRIO DE VERÃO: Brasil não terá horário de verão pelo segundo ano consecutivo
GOVERNO NA CONTRA-MÃO
Bolsonaro: Vacina contra a covid-19 não será obrigatória
BRASIL -152.460 MORTES
Covid-19: Brasil tem 713 óbitos e 28.523 novos casos em 24h
INSS - BLOQUEIO
INSS prorroga interrupção de bloqueio de benefícios