Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
segunda, 10 de maio de 2021
Busca
Brasil

Mulher é espancada após jogar fora a pinga de marido

7 Out 2010 - 07h28Por Campo Grande News

Uma mulher de 27 anos foi espancada pelo marido, um homem de 33 anos, por volta das 19 horas de ontem, quando o casal estava na residência, localizada no Assentamento Itamarati, próximo à cidade de Ponta Porã.

Na 1ª Delegacia de Polícia Civil de Ponta Porã a vítima alegou que o marido estava bebendo muita pinga. Ela disse para ele parar de beber, pois sempre que ingere bebida alcoólica costuma ficar agressivo.

Como havia mais duas garrafas de pinga guardadas em casa, a mulher decidiu despejar fora a bebida. Ao ver a cena, o marido dela começou a lhe agredir com pontapés, derrubando-a no chão.

Insistindo nas agressões, o marido começou a bater na esposa com socos e a deixou bastante lesionada no ombro direito, antebraço esquerdo e nas pernas. O marido só parou de agredir a mulher quando os filhos chamaram a mãe dele, que foi até o local.

A família da vítima chegou à residência e mesmo diante de todos os parentes, o marido ameaçou a esposa dizendo que iria matá-la, caso ela saísse de casa. Ele também prometeu incendiar todo o imóvel.

Detido, o autor das agressões foi encaminhado à delegacia de Polícia Civil de Ponta Porã.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ESCALADA DA VIOLÊNCIA
Operação mais letal da história deixa 25 mortos no Jacarezinho
VITIMA DO MASSACRE
'Fiquei vendo costurarem os ferimentos. Chorava, orava e agradecia por ele estar vivo, diz mãe
FRIO - FÁTIMA DO SUL NOVA ONDA DE FRIO
Frio de origem polar começa a ser sentido novamente e terá geada
TERROR NA CRECHE
Sob forte emoção moradores de Saudades realizam velório coletivo das vítimas do ataque à creche
CHEGANDO FORTE
Frio chega com força e provoca geada no Sul
TERROR EM CRECHE
Jovem invade escola e mata três crianças e duas funcionárias
PÉSSIMA PROJEÇÃO
Covid-19: Brasil deve alcançar 575 mil mortes em 1º de agosto, diz instituto
SONHO INTERROMPIDO
Jovem perde noivo para a Covid-19 no dia do casamento: 'Nossos sonhos ficaram para trás'
PANDEMIA CORONAVIRUS
Triste número: Brasil ultrapassa 400 mil mortes por Covid-19
REVOLTA
Pastor zomba da fé dos indígenas Trukás que revoltados quebram templo em construção; veja o vídeo