Menu
SADER_FULL
segunda, 8 de agosto de 2022
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
MATO GROSSO DO SUL

MS vai conhecer os campeões de luta livre de 2010 dia 18

9 Set 2010 - 09h20Por Fátima News com assessoria

Será definido no próximo dia 18 de setembro os Campeões estaduais das categorias e a Equipe Super Campeã de Luta Livre de 2010. A Segunda etapa do X-Treme Cidade Morena de Luta Livre, promovido pela Federação de Luta Livre Submission de MS (FLLSEMS), acontece na escola ABC, a partir das 14 horas. A primeira etapa, ocorrida no dia 5 de junho na Capital, reuniu quase oitenta atletas entre as modalidades de Freestyle, Luta Livre, Jiu-Jitsu Brasileiro, Submissão, Judô e Sambo. Confirmadas as presenças de equipes de Bonito, Três Lagoas, Nova Alvorada do Sul, Dourados, Ponta Porã, Aquidauana, Guia Lopes e Corumbá.

Alguns nomes prometem acirrar a disputa na definição do campeão estadual 2010 como Matheus Godói e Gustavo Torrales, ambos da equipe Pantanal Top Team Detonando. Na primeira etapa a equipe super campeã foi a Total Fight que conseguiu melhor pontuação. Já a revelação do evento foi para o novato Carlos Castro. “Os vencedores receberão também o certificado da FLLSEMS, valendo a pontuação para o ranking da Federação”, disse o presidente da Federação, Carlos André Marinho.

O X·Treme Cidade Morena de Luta Livre conta com o patrocínio do Governo do Estado (FUNDESPORTE), Prefeitura de Campo Grande (FUNDESP), Tube Surf, Cobra DÁgua, NaturalTem Suplementos e Açai Sports. O Colégio ABC fica na Avenida Salgado Filho, 3590 - Vila Bandeirantes. Mais informações pelo 3043-1438 e 9202-1129 com Carlos André, ou pelo email lutalivre@mslutas.com.br e site: www.mslutas.com.br/xtremefc.

Sobre o Submission Fighting - Também chamado de Luta Livre é um estilo de submissão, termo geral de lutas sem quimono, que usam o clinch e lutam no solo com o objetivo de imobilizar ou finalizar o adversário. O desporto de Submissiom Fighting reúne técnicas de Freestyle, Luta Livre, Jiu-Jitsu Brasileiro, Submissão, Judô e Sambo.

Histórico - A Luta Livre Esportiva, praticamente foi ofuscada pelo imenso sucesso das “Olímpicas”, tendo vivido no mundo alternativo durante muito tempo. O que incluiu também os praticantes da chamada Luta Profissional (Catch, Pró Wrestling etc.) a famosa “marmelada” e de amadores das lutas de kimono que eventualmente treinavam sem o “paletó”.

Um dos maiores centros de prática da luta sempre foi o Brasil. Entretanto, não havia condições necessárias ao perfeito desenvolvimento. Mesmo assim, as coisas caminharam e o país se tornou uma força na Luta Mundial. Vale lembrar que o Brasil está à frente até mesmo de potências como Japão e Estados Unidos. Um dos fatores que mais alavancaram a Luta Livre foi o ressurgimento do “Vale Tudo” (“No Holds Barred” ou “Mixed Martial Arts”), com diversos eventos importantes no Brasil, Estados Unidos e Japão.

Legenda: Quase oitenta atletas participaram da primeira etapa no Instituto Mirim.

Leia Também

COVID NO BRASIL
Covid-19: Brasil registra 261 óbitos e 40,4 mil casos em 24 horas
LENDA DO HUMORISMO
Jô Soares morre em São Paulo aos 84 anos
A CONTA GOTAS
Petrobras anuncia corte de R$ 0,20 no preço do diesel
100 PERÍCIA
Senado aprova regras que podem dispensar perícia médica do INSS
CAIXA PARA ELAS
Caixa anuncia programa voltado para o público feminino
COVID NO BRASIL
Brasil registra 265 novas mortes por Covid nas últimas 24 horas
CONFUSÃO DE TORCIDAS
Briga entre torcida do Flamengo e Corinthians deixa feridos em Campo Grande; veja vídeos
PREOCUPANTE
Covid-19: Brasil registra 295 óbitos e 34,4 mil casos em 24 horas
SOB INVESTIGAÇÃO
Brasileiro e estudante de medicina é encontrado morto em carro na fronteira
MILAGRE DA MEDICINA
Siameses brasileiros unidos pelo crânio são separados após 9 cirurgias