Menu
SADER_FULL
segunda, 27 de setembro de 2021
Busca
AQUIDAUANA

MS tenta antecipar R$ 1,9 mi da União pra obra em Aquidauana

19 Jan 2010 - 06h55Por MS Notícias

Depois de visitar o bairro Guanandi e conversar com as famílias alojadas em duas escolas, o governador André Puccinelli foi verificar a situação de duas pontes afetadas pelas águas. Sobre o Rio Aquidauana, a Ponte do Boiadeiro, muito utilizada para o tráfego de animais entre as propriedades rurais e frigoríficos, está com rachaduras e tem a estrutura comprometida.

Outra estrutura que precisa de intervenção é a ponte sobre o Córrego João Dias, na ligação entre o Bairro Alto e a Vila Trindade. Ali o problema é o afundamento na cabeceira da ponte.

Com base no levantamento inicial feito pela Prefeitura, o governo do Estado vai pedir ao Ministério da Integração Nacional a liberação emergencial de R$ 1,905 milhão para a intervenção nessas pontes e também em outra, no Distrito de Piraputanga, que cedeu. Segundo o coordenador estadual de Defesa Civil, coronel Ociel Ortiz Elias, a possibilidade desses recursos se encaixa em linha disponível no Ministério para restabelecimento de tráfego de pessoas e recuperação de condições para a retirada da produção.

Como ação emergencial, o governo, através da Cedec, também está ajudando o município na correta elaboração do Decreto de Emergência e preenchimento do Formulário de Avaliação de Danos (Avadan). Isso deve agilizar a homologação pelo governador e a posterior busca de reconhecimento da Defesa Cilvil Nacional. A minuta do decreto municipal está sendo revisada hoje, e o documento deve ser publicado entre amanhã e quarta-feira.

Ao mesmo tempo, o governo vai ajudar o município a buscar recursos para construção de obras de prevenção, a médio e longo prazos. Por estar à beira de um rio e ser passível de inundação, é possível buscar no Ministério dinheiro para investir na implantação de sistemas de drenagem, contenção ou canalização.

Durante a visita a Aquidauana, o governador André Puccinelli destacou a necessidade de ações de longo prazo, para que o município não fique constantemente sob risco. Citando como exemplo a Capital, que tem nove córregos, André disse que sistemas de canalização e implantação de parques lineares como os feitos na sua administração como prefeito ajudam a evitar transbordamentos.

Outros municípios

O governador garantiu apoio para todos os municípios afetados por enxurradas ou cheias de rios e córregos. Além de Aquidauana, Coxim, Miranda, Anastácio e Novo Horizonte do Sul enfrentam situações mais difíceis nesses primeiros dias de 2010. André assegurou que o governo está ao lado das prefeituras e que, assim como foi feito no fim de 2009 em Amambai – afetada por granizo – e Coxim, alagada pela cheia do Rio Taquari, o estado vai dar apoio através da Defesa Civil, na captação de recursos da União e em ações que possam ser feitas diretamente pelo Estado.


Depois de visitar Aquidauana hoje (18), Puccinelli se reuniu com o prefeito de Anastácio, Cláudio Valério. No município, somente seis famílias foram desalojadas e os prejuízos são bem menores que na cidade vizinha. Ainda assim, o município está fechando a avaliação de danos e os impactos das inundações para definir, junto com o governo, as providências de auxílio.

Deixe seu Comentário

Leia Também

DESASTRE AÉREO
Diretor da UPA que sofreu acidente aéreo no Pantanal morre em hospital
COVID-19
Covid-19: Brasil tem 15,7 mil novos casos e 537 mortes em 24 horas
+ AUMENTO
Gasolina sobe pela 8ª semana seguida nos postos, aponta ANP
PAN AMERICANO JUNIOR
Atleta de MS carregará as cores do Brasil no vôlei de praia nos Jogos Pan-Americanos Júnior
LIÇÕES DA BÍBLIA
Prefácio de Deuteronômio
ROTA BIOCEÂNICA
Comissão mista homologa consórcio que vai construir ponte da Rota Bioceânica em MS
CASTELO DE AREIA
Idoso casa com prostituta 35 anos mais nova e flagra com outro
DOENÇA DO SÉCULO
Servidor público é encontrado pendurado em árvore
COVID-19
Ministra de Bolsonaro testa positivo para Covid e cancela agenda em Nova Andradina
ASSUSTADOR
Homem encontra boneca na parede com bilhete misterioso: "obrigada por me libertar"