Menu
SADER_FULL
domingo, 28 de novembro de 2021
Busca
Brasil

MS sedia seminário inédito sobre Urgência e Emergência no Brasil

11 Nov 2009 - 06h01Por Notícias.MS

Mato Grosso do Sul sedia o Seminário Nacional Urgência e Emergência “O olhar da gestão do trabalho”. O evento acontece nos dias 17 e 18 de novembro, no Centro de Desenvolvimento Esportivo Social e Cultural (rua Água Azul, s/nº - anel rodoviário próximo à Uniderp/Anhaguera Agrária), a partir das 9 horas, e é exclusivo para gestores de saúde e coordenadores do Serviço Móvel de Atendimento à Urgência (Samu).

 

        

 

         O objetivo do seminário é discutir e buscar alternativas para enfrentar os principais problemas de gestão do trabalho dos profissionais que atuam no atendimento de urgência e emergência e também no que diz respeito ao processo de trabalho, ao vínculo e à saúde do trabalhador visando propor ações para resolução destas questões, por meio de experiências exitosas na área em discussão que integra a rede de serviços de saúde em todos os níveis do Sistema Único de Saúde (SUS) e que deve se organizar para prestar atendimento pré-hospitalar (móvel ou fixo) e hospitalar à população atendida.

 

 

O Ministério da Saúde decidiu realizar em Mato Grosso do Sul o seminário – inédito no país – porque a Secretaria de Estado de Saúde (SES) está projetando uma maneira diferenciada de oferecer o Samu Estadual – agregado ao serviço de resgate do Corpo de Bombeiros.

 

 

O trabalho do Samu, atualmente em todo país, realiza o atendimento de urgência e emergência em qualquer lugar: residências, locais de trabalho e vias públicas. O socorro é feito após chamada gratuita, feita para o telefone 192. A ligação é atendida por técnicos na Central de Regulação que identificam a emergência e, imediatamente, transferem o telefonema para o médico regulador. Esse profissional faz o diagnóstico da situação e inicia o atendimento no mesmo instante, orientando o paciente, ou a pessoa que fez a chamada, sobre as primeiras ações.

 

 

O serviço funciona 24 horas por dia com equipes de profissionais de saúde, como médicos, enfermeiros, auxiliares de enfermagem e socorristas que atendem às urgências de natureza traumática, clínica, pediátrica, cirúrgica, gineco-obstétrica e de saúde mental da população.

 

 

O Samu 192 é o principal componente da Política Nacional de Atenção às Urgências, criada em 2003, que tem como finalidade proteger a vida das pessoas e garantir a qualidade no atendimento no SUS. A política tem como foco cinco grandes ações:

 

* organizar o atendimento de urgência nos pronto-atendimentos, unidades básicas de saúde e nas equipes do Programa Saúde da Família;

 

* estruturar o atendimento pré-hospitalar móvel (SAMU 192);

 

* reorganizar as grandes urgências e os pronto-socorros em hospitais;

 

* criar a retaguarda hospitalar para os atendidos nas urgências; e

 

* estruturar o atendimento pós-hospitalar.        

 

 

Dos 350 profissionais entre trabalhadores, gestores e usuários dos serviços próprios e prestadores do Sistema Único de Saúde (SUS), vão participar do seminário o ministro da Saúde, José Gomes Temporão; governador, André Puccinelli; secretária de Estado de Saúde de Mato Grosso do Sul, Beatriz Dobashi e outros secretários estaduais; coordenadores Estaduais de Urgência e Emergência do Brasil; coordenadores de SAMUs do país (no caso de MS os de Campo Grande, Dourados, Três Lagoas e Corumbá); secretários Municipais de Saúde dos 78 municípios de Mato Grosso do Sul; além de todos os técnicos da Coordenação Geral de Urgência e Emergência (CGUE), do Ministério da Saúde.

 

 

Confira a programação do evento:

 

 

17/11 – terça-feira

 

9h – Credenciamento

 

 

9h30 – Abertura

 

 

11h – Conferência

 

 

12h30 – Almoço

 

 

14h – Mesa 1: O funcionamento das emergências e a organização da rede de saúde

 

  • Fluxo de pacientes da Atenção Básica na urgência e emergência;

     

  • Acolhimento – classificação de risco;

     

  • Linguagem comum na rede de atenção à saúde;

     

Leia Também

# PREVENIR É O REMÉDIO
Covid-19: Brasil registra 303 mortes e 12.126 casos em 24 horas
DESESPERO
Vídeo: veja momento em que calçada cede e pessoas caem em rio
PÂNICO NO AEROPORTO
Vídeo mostra passageiros gritando e muito desespero em avião da Azul; veja
EMBOSCADA
Jovem morre após ser atingida por tiro na cabeça
# PREVENIR É O REMÉDIO
Covid -19 casos sobem para 22,043 milhões e mortes, para 613,3 mil
ESTUPRO DE VUNERALVEL
Menina de 11 anos conta para avô que é estuprada pelo padrasto
CRUELDADE
Justiça nega exame de insanidade a mulher que esquartejou filho
MANIACO SEXUAL
Homem é filmado passando a mão em mulher no meio da rua
+ AUMENTO
Conta de luz deve subir mais de 20% no ano que vem, estima ANEEL
COVID NO BRASIL
Covid-19: Brasil tem 10,3 mil casos e 284 mortes em 24 horas