Menu
SADER_FULL
sábado, 26 de setembro de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

MS: geração de empregos em setembro é a pior dos últimos 5 anos

20 Out 2010 - 11h08Por Mídia Max
O emprego formal em Mato Grosso do Sul em setembro registrou acréscimo de 0,35% em relação a agosto. De acordo com dados divulgados pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) do Ministério do Trabalho, foram gerados 1.444 empregos formais nos mês passado.

Entretanto, o desempenho registrado em setembro foi o pior dos últimos cinco anos - em 2006, foram gerados 1.783 empregos formais. A média entre 2006 e 2009 foi de 2.048 postos de trabalho abertos.

Na dianteira das atividades econômicas que mais contribuíram para este resultado estão os setores: de serviços com 583 novos postos de trabalho, a construção civil que absorveu 277 trabalhadores, seguida da indústria de transformação, que proporcionou carteira assinada a 251 pessoas.

Nos primeiros nove meses, 25.300 novos postos foram criados no Estado, o que representa um crescimento de 6,53%. Os números caracterizam o segundo melhor desempenho de toda a série histórica do Caged para o período, sendo superado apenas pelo ocorrido em 2004, quando o número de contratações foi de 25.544.

O saldo para o montante de postos criados e mantidos nos últimos 12 meses é de 21.316 novos assalariados, crescimento de 5,45%.

A evolução do emprego formal para as cidades com mais de 30 mil habitantes revela que Campo Grande é a que mais cria e mantém empregos formais. O saldo para o mês de setembro foi de 509 postos. Dourados aparece em segundo na lista com 425 empregos gerados e mantidos. Na terceira colocação aparece Corumbá, com saldo de 123 empregos.

A relação segue com Paranaíba (100); Três Lagoas (95); Nova Andradina (65); Coxim (14); Aquidauana (7) e Ponta Porã (1). O município de Naviraí registrou déficit no saldo apontado pelo Caged.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Motorista registrou a travessia de uma jiboia na avenida Ayrton Senna, na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro. FORA DO HABITAT
VÍDEO: motorista flagra jiboia cruzando pista de avenida no RJ: 'olha isso'
Só queria que me entendessem sem preconceito! PRECONCEITO
Jovem é expulso de casa ao assumir namoro com mulher trans
Yan e um comparsa renderam mãe e filha na rua CRIMINOSO
Bandido morto pela PM arrancou família de carro e agrediu mulher uma semana antes
O diesel não sofreu reajuste. + ALTA
Gasolina sobe 4% nas refinarias, anuncia Petrobras
O total de mortes causadas por covid-19 chega a 138.108, um acréscimo de 0,6% sobre a soma de segunda Saúde
Covid-19: Brasil tem 33,5 mil novos casos e 836 mortes em 24 horas
HERANÇA PORTUGUESA
A herança portuguesa na vida cotidiana do Brasil
Os beneficiários nascidos em janeiro  3,9 milhões de pessoas  poderão sacar AJUDA FINANCEIRA
Caixa paga nova parcela do auxílio emergencial para 5,6 milhões de pessoas
o maior programa de assistência aos mais pobres no Brasil e talvez um dos maiores do mundo PRESIDENTE NA ONU
Bolsonaro diz que brasileiros receberam mil dólares de auxílio
Imagem: Reprodução/Balanço Geral Londrina FUGA EM MASSA
Presos fogem de cadeia após surto de Covid-19
Material estava dentro de uma bexiga e enrolado com fita isolante PROFUNDEZAS DO CRIME
8 celulares e outros materiais são retirados do ânus de preso