Menu
SADER_FULL
sexta, 23 de abril de 2021
Busca
Brasil

Mortes em Mauá-SP ocorreram por febre maculosa

29 Jun 2004 - 16h26
O Instituto Adolfo Lutz confirmou como sendo por febre maculosa a causa da morte de três pessoas da mesma família em Mauá, na Grande São Paulo, entre os últimos dias 17 e 19. Em nota, a Secretaria de Estado da Saúde afirmou que um exame feito a partir do tecido de uma das vítimas apontou a presença da bactéria causadora da doença.

A febre maculosa é transmitida ao homem pelo carrapato infectado pela bactéria Rickettsia rickettsii. O carrapato é encontrado em roedores, cavalos, gado e cachorros, que funcionam como hospedeiros da doença.

Depois que a pessoa é picada pelo carrapato, a doença pode se manifestar entre dois e 14 dias. Entre os sintomas estão mal-estar, gripe, febre, manchas avermelhadas nos punhos, tornozelos, palmas das mãos e pés. A doença pode evoluir para um quadro de infecção generalizada, com complicações pulmonares, vasculares, desidratação, choques, coma e morte.

Susto

As três vítimas, moradoras do Jardim Camila, morreram e a doença demorou algumas semanas para ser identificada, o que provocou medo na população da cidade.

As vítimas apresentaram diarréia, dores no corpo e náusea. O quadro evoluiu. Elas tiveram hemorragia, convulsão, insuficiência respiratória e queda da pressão arterial e, posteriormente, morreram.

Os primeiros casos ocorreram no último dia 17, quando morreram um rapaz de 23 anos e uma garota de 16. A casa das vítimas foi fechada para que os técnicos da saúde fizessem a análise de alimentos e dos objetos utilizados por elas.

No dia 18, a terceira vítima, uma mulher de 25 anos, apresentando os mesmos sintomas, foi encaminhada ao Hospital Nardini, onde morreu no dia seguinte.

Em exames iniciais, o Adolfo Lutz descartou como sendo o hantavírus o causador da doença.

Orientação

O Centro de Vigilância Epidemiológica comunicou a Secretaria Municipal de Saúde de Mauá sobre o resultado do exame que apontou a febre maculosa como causa das mortes. A partir de agora técnicos do Estado e do município orientarão a população sobre as principais medidas para se evitar a doença.

A secretaria afirmou que se trata de um caso isolado e não há risco de epidemia da doença.

Deixe seu Comentário

Leia Também

TRAGÉDIA EM CACHOEIRA
Mãe e filha morrem vítima de tromba d'gua em cachoeira; cunhado também morreu
ASSÉDIO À MENOR
Pastor é investigado após ser filmado beijando e oferecendo dinheiro a adolescente de 14 anos
UTRAPASSAGEM FATAL
Tio e sobrinho morrem "esmagados" por caminhão em rodovia
FATALIDADE
Bebê morre eletrocutado após morder fio de carregador de celular
AJUDA DO GPS
Após ficar 30h desaparecida, médica é encontrada em ribanceira com ajuda de GPS de celular
REVOLTANTE
A intérprete que descobriu na aula de Libras que pastor abusava de adolescente
BRASIL - 381.687 MORTES
Brasil passa de 380 mil mortes por Covid; mais de 3 mil delas foram registradas nas últimas 24 horas
BRUTALIDADE
Adolescente queimado por negar sexo com homens morre em hospital
VACINA RUSSA
Governador diz que consórcio vai adquirir 28 milhões da vacina Sputnik V
LUTO NA SAÚDE
Dias após perder os pais, médica de 36 anos morre de Covid-19