Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sexta, 26 de fevereiro de 2021
SADER_FULL
Busca
Brasil

Moka quer vagas no mercado de trabalho para ex-usuários de crack

15 Abr 2011 - 13h15Por Fátima News
O senador Waldemir Moka (PMDB) defendeu nesta quinta-feira (14) vagas no mercado de trabalho para ex-dependentes de crack. Em pronunciamento na tribuna do Senado, Moka classificou de “muito grave” o aumento do consumo da droga no País e pediu para que os governos federal, estadual e municipal se unam para combater o problema.

O senador lembrou que o crack chegou às classes menos favorecidas por causa do seu baixo valor. Segundo ele, o crack já está sendo consumido por trabalhadores rurais. “Sabíamos que o consumo nas cidades aumentou muito nos últimos anos. No entanto, é novidade que essa droga tenha chegado ao meio rural”, declarou.

Ele se disse surpreso com a informação de que o Ministério do Trabalho não dispõe de política para reinserção de ex-dependentes químicos na sociedade. "Temos de ter cotas específicas para que o ex-usuário do crack, por exemplo, possa retornar à vida normal longe das drogas. Sem emprego e oportunidades, ele volta a ficar vulnerável", sugeriu.

Moka participa da Subcomissão Temporária de Políticas Sociais sobre Dependentes Químicos de Álcool, Crack e outras Drogas,que decidiu realizar audiências públicas em vários Estados para discutir o avanço do crack e elaborar diagnóstico sobre a situação no País.

As reuniões vão começar por Mato Grosso do Sul. A cidade escolhida foi Ponta Porã por causa da proximidade com o Paraguai e também pelo trabalho desenvolvido com dependentes químicos pelo poder público e pelas comunidades terapêuticas. “Estamos cientes de que a prefeitura, com apoio de grupos da sociedade, tem realizado importantes ações para tratar os dependentes”, afirmou.

As experiências do município foram apresentadas nesta quinta-feira (14), em audiência na Comissão de Assuntos Sociais do Senado em que foi discutido o avanço do consumo do crack no Brasil. Também participaram dos debates representantes dos ministérios da Justiça, do Trabalho e Emprego, e da Polícia Federal.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CARCERE PRIVADO
Homem é preso por cárcere privado e violência doméstica após mulher pedir socorro com foto nas redes
NOVO AUXILIO
Presidente afirma Auxílio emergencial deve voltar em março, com parcelas de R$ 250
ALERTA EPIDEMIOLÓGICO
Covid-19: Brasil registra 1.541 mortes em 24 horas
MUNDO DO CRIME
Após morrer de Covid-19 no mesmo dia, casal tem oficina invadida e furtada
TRISTEZA NA FAMILIA
Pai e filho morrem de Covid-19 com poucas horas de diferença
CNH GRÁTIS
CNH Grátis: 8 mil carteiras gratuitas liberadas pelo DETRAN; inscreva-se
FINAL DA COPA DO BRASIL
Quem será o campeão da Copa do Brasil?
DIVIDA PÚBLICA
Dívida pública sobe em janeiro e atinge R$ 5,06 trilhões
ALÔ NAÇÃO RUBRO-NEGRA
VÍDEO: 'Jorge' o Urubu queridinho de Culturama viraliza nas redes sociais da Nação Rubro-Negra
LOCKDOWN
Com explosão de casos de covid, e 14 deputados infectados A. Legislativa volta a fechar as portas