Menu
SADER_FULL
sábado, 8 de maio de 2021
Busca
Brasil

Moka e Dagoberto disputam segunda vaga do Senado

1 Out 2010 - 09h22Por Campo Grande News

Os candidatos Waldemir Moka (PMDB) e Dagoberto Nogueira (PDT) devem disputar voto a voto a segunda vaga ao Senado, revela pesquisa do Ipems divulgada hoje em parceria com o Campo Grande News e FM Capital.

Moka aparece com 38,30% contra 35,23% de Dagoberto. Delcídio do Amaral, do PT, reina absoluto em primeiro lugar, com 59,87% dos votos. Já o candidato Murilo Zauith, do DEM, figura com 28,73% na pesquisa.

Jorge Batista, do PSOL, ainda aparece com 1% dos votos, apesar de não estar mais na disputa.

Não sabem ou não quiseram opinar 17,97% dos eleitores entrevistados, enquanto que 6,93% das pessoas disseram que não vão votar em nenhum deles. Não responderam sobre o 1º voto ao Senado 12,23% dos eleitores.

Na última pesquisa feita pelo Ipems, entre os dias 16 e 22 setembro, Delcídio tinha60,27%, Moka 40,20%, Dagoberto 34,13% e Murilo 27,83%.

Depois de Delcídio, com 58,70%, Dagoberto é o mais bem votado na Capital, com 40,15% das intenções de voto. Moka tem 38,26% e Murilo 30,19%.

A pesquisa foi realizada em todos os municípios de Mato Grosso do Sul, entre os dias 25 e 30 de setembro. Ao todo, foram 3 mil entrevistas.

O levantamento foi registrado no TRE (Tribunal Regional Eleitoral) sob o protocolo 42.416/2010.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ESCALADA DA VIOLÊNCIA
Operação mais letal da história deixa 25 mortos no Jacarezinho
VITIMA DO MASSACRE
'Fiquei vendo costurarem os ferimentos. Chorava, orava e agradecia por ele estar vivo, diz mãe
FRIO - FÁTIMA DO SUL NOVA ONDA DE FRIO
Frio de origem polar começa a ser sentido novamente e terá geada
TERROR NA CRECHE
Sob forte emoção moradores de Saudades realizam velório coletivo das vítimas do ataque à creche
CHEGANDO FORTE
Frio chega com força e provoca geada no Sul
TERROR EM CRECHE
Jovem invade escola e mata três crianças e duas funcionárias
PÉSSIMA PROJEÇÃO
Covid-19: Brasil deve alcançar 575 mil mortes em 1º de agosto, diz instituto
SONHO INTERROMPIDO
Jovem perde noivo para a Covid-19 no dia do casamento: 'Nossos sonhos ficaram para trás'
PANDEMIA CORONAVIRUS
Triste número: Brasil ultrapassa 400 mil mortes por Covid-19
REVOLTA
Pastor zomba da fé dos indígenas Trukás que revoltados quebram templo em construção; veja o vídeo