Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
segunda, 20 de maio de 2024
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
Busca
Brasil

Moka defende no Senado mais investimento para a saúde

8 Fev 2011 - 14h23Por Fátima News

O senador Waldemir Moka (PMDB) defendeu nesta terça-feira (8) mais investimentos para melhorar a qualidade do atendimento à saúde do brasileiro. Em sua estreia na tribuna do Senado, Moka cobrou a regulamentação da Emenda Constitucional nº 29, que fixa os percentuais mínimos a serem gastos no setor pela União, Estados e municípios.

 

De acordo com o senador, o Brasil estaria deixando de investir cerca de R$ 30 bilhões por ano em ações de saúde. “Valor que, convenhamos, poria fim em poucos anos a agonia no sistema”, afirmou.

 

Moka lembrou que, no Orçamento da União deste ano, estão previstos investimentos de R$ 74 bilhões no setor. “Se a Emenda 29 estivesse em vigor, o volume de recursos aplicados no setor chegaria próximo de R$ 100 bilhões”, informa.

 

O senador fez breve resumo sobre sua trajetória na política, cuja carreira começou em 1981 ao se eleger vereador em Campo Grande. Moka confessou que a decisão de deixar a Medicina para se dedicar à política foi uma das mais difíceis da sua vida.

 

Destacou o fato de ser o único político do Estado a ocupar todos os cargos do Legislativo por meio do voto direto. “Nunca pulei etapas na minha vida. Comecei como vereador e hoje chego a esta Câmara Alta com orgulho e felicidade inarráveis”, observou.

 

O senador agradeceu ao governador André Puccinelli (PMDB), prefeitos, deputados e vereadores pelo apoio que recebeu nas eleições do ano passado em que foi eleito com 544 mil votos. 

 

Fez agradecimento especial ao povo sul-mato-grossense, com quem assumiu compromisso de honrar o mandato que lhe foi entregue. “O povo do meu Estado terá orgulho do meu mandato. Pode esperar muita dedicação, responsabilidade e trabalho pelas coisas de interesse da sociedade”, promete.

 

Moka concluiu seu primeiro pronunciamento na tribuna do Senado dizendo que entrou para a política pelas mãos do senador Ramez Tebet, morto em novembro de 2006. “Tenho orgulho por ter tido na figura do meu amigo Ramez o maior incentivador da minha carreira na política”, declarou.

Participe do nosso canal no WhatsApp

Clique no botão abaixo para se juntar ao nosso novo canal do WhatsApp e ficar por dentro das últimas notícias.

Participar

Leia Também

Saúde Delicada
O Ator Tony Ramos passa por cirurgia de emergência na cabeça para tratar sangramento cerebral no RJ
Ajude o RS
Culturamense registra a devastação de Lageado durante entrega de 21 toneladas de donativos
Fotos: Saul Schramm BOMBEIROS DE MS EM AÇÃO NO PANTANAL
Para combater incêndios florestais no Pantanal, Governo de MS instala bases dos bombeiros em 13 área
SOLIDARIEDADE AO RIO GRANDE DO SUL
De Fátima do Sul e Culturama: Carreta com 17 toneladas de donativos chega a Roca Sales, RS
OLHA A HISTÓRIA
Mulher fica em coma por 17 dias após tomar remédio para cólica

Mais Lidas

Foto: reprodução internetNOVA FRENTE FRIA
Nova frente fria derruba temperaturas em MS; confira a previsão
EXPORAMA 2024EXPORAMA 2024 - VEJA PROGRAMAÇÃO
Com Laço, Rodeio, Shows e entrada franca, prefeita anuncia programação do aniversário de CULTURAMA
FÁTIMA DO SUL DE LUTO
Fátima do Sul se despede de Nivalda Pinheiro, Pax Oliveira informa sobre velório e sepultamento
Mulher pode ter matado filho na capital paraguaia / Reprodução ABC ColorTRAGÉDIA FAMILIAR
Mãe mata filho de 05 anos enforcado e é achada morta
Brasil
Conheça os finais dos principais personagens de "América"