Menu
SADER_FULL
sexta, 14 de maio de 2021
Busca
Brasil

Ministério da Saúde pede atenção aos sintomas da gripe e de resfriados

17 Jul 2010 - 08h39Por Agência Brasil

O Ministério da Saúde pediu hoje (15) que a população fique alerta para os sintomas de gripe e resfriados, com o começo do inverno, quando as temperaturas diminuem, o ar fica mais seco e há uma maior concentração de pessoas em ambientes fechados, o que favorece a circulação de diversos tipos de vírus que causam problemas respiratórios.

A gripe é uma doença causada pelo vírus Influenza H1N1, entre seus principais sintomas estão: dor de cabeça, dor de garganta, febre, congestão nasal, tosse e coriza. Os sintomas costumam se manifestar entre dois e três dias após o contágio e duram em média, uma semana. No Brasil, o aumento dos casos de gripe ocorre geralmente entre os meses de maio e outubro.

O resfriado tem sintomas que se confundem com o da gripe, mas esses demoram menos tempo e são mais leves. A febre é menos comum e quando aparece o paciente não tem altas temperaturas.

Crianças e idosos representam o grupo de maior risco, pois apresentam maiores complicações quando contraem os vírus da gripe. No Brasil, a campanha da vacinação de idosos tem o objetivo de reduzir óbitos e internações causadas pela gripe, seguindo a recomendação da Organização Mundial da Saúde (OMS). 

Para evitar doenças respiratórias, é necessário que a população redobre os cuidados com a higiene. Segundo a Coordenadora de Vigilância de Doenças de Transmissão Respiratória do Ministério da Saúde, Márcia Carvalho, lavar as mãos frequentemente, não compartilhar objetos pessoais se estiver gripado ou resfriado e tapar a boca e o nariz com lenço descartável ao tossir é a melhor maneira de prevenir essas doenças. Para ela, essa é uma forma barata e eficaz de prevenção e deve ser adotada por toda a população.

De acordo com o ministério, a vacinação é a forma mais eficaz de prevenção contra diversas doenças, inclusive a gripe. No caso da influenza A (H1N1) – gripe suína, o Brasil é o país com o maior registro de pessoas vacinadas (44%) em relação à população total. O percentual coloca o país à frente dos Estados Unidos com 26%, do México com 24% e da Suíça com 17%.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SONHO INTERROMPIDO
Agente educacional morta em ataque a creche em Saudades queria fazer intercâmbio no Canadá
PESQUISA PRESIDENCIAL
Datafolha mostra Lula disparado na corrida eleitoral
NOVA INFECÇÃO
Covid-19: após 3 semanas de queda, casos de coronavírus avançam no Brasil puxados por 9 Estados
TRISTEZA NA FAMILIA
Seis pessoas da mesma familia morrem vítimas da Covid-19
NOVAS REGRAS
WhatsApp: o que acontece se você não aceitar novas regras do aplicativo até 15 de maio
FAMOSIDADES
Pai da campeã do 'BBB 21' Juliette vive em casinha de barro na Paraíba
CACHAÇA
Jovem enfia garrafa no ânus durante bebedeira e vai parar no hospital
ESCALADA DA VIOLÊNCIA
Operação mais letal da história deixa 25 mortos no Jacarezinho
VITIMA DO MASSACRE
'Fiquei vendo costurarem os ferimentos. Chorava, orava e agradecia por ele estar vivo, diz mãe
FRIO - FÁTIMA DO SUL NOVA ONDA DE FRIO
Frio de origem polar começa a ser sentido novamente e terá geada