Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quarta, 27 de maio de 2020
SADER_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Ministério da Educação estuda avaliar ciências na Prova Brasil

25 Mai 2010 - 08h28Por Folha Online

O MEC estuda incluir ciências nos exames nacionais aplicados a alunos do 9º ano do ensino fundamental. Hoje, os estudantes deste ano --equivalente à antiga 8ª série, destinada a crianças de 14 anos de idade-- fazem provas apenas de matemática e português.

O resultado dos estudantes nesses testes --em especial na Prova Brasil-- é utilizado para avaliar a qualidade da educação em cada escola, município ou Estado.

Segundo o ministro Fernando Haddad, a inclusão de uma prova de ciências compatibiliza os exames nacionais com avaliações internacionais, que já utilizam a disciplina na hora de comparar o ensino entre países.

A próxima avaliação nacional de estudantes ocorrerá apenas em 2011, em um novo governo. Para que a área de ciências seja avaliada já em 2011, será preciso primeiro definir os conteúdos que serão cobrados dos estudantes e construir um banco de questões, etapas ainda em discussão no MEC.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BONITO - MS - COVID-19
Pandemia faz empresas demitirem 29% dos funcionários do setor de turismo de Bonito (MS)
VITIMA DA COVID 19
'Mãe' de Jojo Todynho morre de Covid-19
FÁTIMA DO SUL - O BOTICÁRIO
Dia dos Namorados é no O Boticário, confira o catálogo digital, entrega em casa em Fátima do Sul
COVID-19
Dois integrantes da banda de Zezé Di Camargo e Luciano testam positivo para coronavírus
FEMINICIDIO
Filha de 12 anos faz homenagem para vítima de feminicídio: 'te amarei para sempre'
ELEIÇÕES 2020
Líderes municipalistas confirmam inviabilidade das eleições 2020
INACREDITÁVEL
Cadeirante mudo assalta joalheria com arma nos pés; assista ao vídeo
BRASIL - 22.666 MORTES
Brasil tem mais 653 mortes, e vítimas da covid-19 no país chegam a 22.6
EMOCIONANTE - VIDEO
Esposo toca sanfona para esposa no hospital após ela receber alta de covid-19
ELEIÇÕES 2020?
Talvez seja inevitável adiar eleições municipais, diz Barroso