Menu
SADER_FULL
domingo, 24 de maio de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Mini-lipo promete modelar pequenas imperfeições do corpo

13 Abr 2007 - 13h00
Pequenas regiões do corpo que retém gordura localizada também podem ser tratadas com lipoaspiração, melhor, com uma mini lipoaspiração. É a técnica conhecida como lipo light ou mini-lipo. O queixo, a parte interna dos joelhos, região pequena do culote e abdômen são exemplos da aplicação. Dr. Flavio Borges Fortes, cirurgião plástico membro titular da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP), explica que a técnica é bem mais simples que lipoaspiração convencional. Não há necessidade de repouso e internação. “É menos dolorida e na comparação deixa poucos hematomas. A recuperação torna-se curta”, completa.

O diferencial é o tratamento de pequenos volumes de gordura. “O que limita a lipo light é a quantidade de anestésico que pode ser utilizado. Por ser local, não podemos tratar grandes áreas”, esclarece. Aplica-se anestesia local na área que se deseja tratar, seguido de ultra-som externo por 5-10 minutos. O ultra-som promove a destruição das células de gordura, que após são aspiradas por cânulas finas. É comum um inchaço nos primeiros cinco dias. Por isso ainda recomenda-se a realização de drenagem linfática.

O resultado, comemora Flavio, “é a modelagem e o aperfeiçoamento do contorno corporal nas áreas restritas”. Em muitos casos, é possível voltar às atividades normais no dia seguinte. O investimento equivale a 30% do valor de uma lipoaspiração. Com avaliação médica, pode-se optar por fazer várias lipo light no lugar de um único procedimento convencional.

No Brasil, a lipo light é realiza desde 2002. Os riscos são mínimos, desde que seja bem indicada e o paciente siga corretamente todas as recomendações médicas após a operação. É importante pesquisar a respeito do médico que fará a cirurgia, de sua formação e especialidade. O site da SBCP, por exemplo, oferece um campo para a busca de seus associados no endereço http://www.cirurgiaplastica.org.br

Entenda as diferenças:

Lipo light x lipoaspiração x lipoescultura
A lipo light (ou mini-lipo) é o procedimento que trata gorduras localizadas no consultório, sob anestesia local. Na lipo light retira-se pouca quantidade de gordura de uma pequena área do corpo. Na lipoaspiração tradicional trabalha-se grandes depósitos de gordura em um tempo cirúrgico, em hospital sob anestesia peridural. Já na lipoescultura aproveita-se a gordura do próprio paciente que foi retirada de uma determinada região e recoloca-se (enxerta-se) nos locais em que há falta. Por exemplo, no bum-bum.
 
 
Mídia Max

Deixe seu Comentário

Leia Também

ELEIÇÕES 2020?
Talvez seja inevitável adiar eleições municipais, diz Barroso
BRASIL 22.165 MORTES
Covid 19: Brasil tem mais de 22 mortes e 341 mil casos
FEMINICÍDIO
Homem mata a própria companheira por causa do auxílio emergencial
ESTRAGOS DO MORO
Veja os principais pontos da reunião ministerial que teve gravação divulgada pelo STF
ENEM
Enem 2020 é adiado por causa da Covid
SOB INVESTIGAÇÃO
Delegado diz que namorada viu mensagens no celular atirou nele e se matou
VITIMA DA COVID 19
Edivaldo perdeu o filho de 26 anos: 'Falaram que em 15 dias ele já estaria recuperado'
3º EM NUMERO DE CASOS
Brasil passa de 19 mil mortes e 296 mil casos de coronavirus; veja por Estado
Qual estratégia de negócios é a melhor?
Qual estratégia de negócios é a melhor?
600TÃO DA CAIXA
Caixa paga hoje novos lotes de R$ 600; veja quem recebe