Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
domingo, 5 de abril de 2020
SADER_FULL
Busca
POLONIO IMÓVEIS
Brasil

Metade da produção argentina de carros é vendida no Brasil

26 Mai 2010 - 05h48Por Terra

O diretor executivo da Associação de Fabricantes Automotores da Argentina (Adefa), Fernando Rodríguez Canedo, informou que 60% da produção de veículos do país é exportada e o Brasil é o principal destino, com quase metade do total fabricado (47%) Somente no ano passado foram 241 mil carros e este ano deve superar 310 mil unidades.

O restante da produção argentina vai para a América Central, Europa e Ásia. O México responde por 5,8%, a Coréia do Sul, por 1,9%, o Japão, 1%, a Alemanha, 1,5% e o restante 1,8% vai para outros países.  Apenas 40% são vendidos no mercado interno, informou o executivo à Agência AutoInforme, especializada no setor.

De janeiro a abril, o número de empregados na indústria automobilística argentina subiu 40% em relação ao mesmo período do ano passado. A Adefa projeta a produção de 670 mil unidades em 2010, ante 512.924 de 2009. Se o número se confirmar, será recorde. A marca atual é de 2008, com 610,8 mil carros.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CORONAVÍRUS NO MS
Fátima do Sul aparece com 2 casos suspeito de coronavírus, MS tem jovem de 21 anos confirmado, VEJA
CORONAVÍRUS NO MS
Coronavírus em MS, Confira os gráficos de como está a situação no Estado
MUNDO DA MÚSICA
Dupla de MS briga com Naiara Azevedo por publicar música sem autorização
332 MORTOS
Casos de coronavírus no Brasil em 3 de abril
TODOS CONTRA CORONAVÍRUS
Grupo Boticário doa 216 ton. de itens de higiene e anuncia apoio à compra equipamentos hospitalares
CORONAVÍRUS NO BRASIL
Mandetta responde críticas de Bolsonaro: 'quem tem mandato fala, quem não tem, trabalha'
252 MORTOS
Casos de coronavírus no Brasil em 2 de abril
ASSASSINATO
Menina de 13 anos que estava desaparecida é encontrada morta com sinais de espancamento
DOURADOS - POLONIO IMÓVEIS
Polonio Imóveis informa em como pedir a pausa de 3 parcelas no financiamento imobiliário da Caixa
OPORTUNIDADE DE EMPREGO
Farmácias abrem mais de 2 mil vagas de emprego; salários chegam a R$ 7.500