Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
terça, 31 de março de 2020
SADER_FULL
Busca
MEDICAL CENTER - POLONIO
Brasil

Mensalmente 20 mil têm a energia cortada em MS

7 Jul 2004 - 10h56
Mensalmente 20 mil consumidores têm a energia cortada por inadimplência em Mato Grosso do Sul, segundo a Enersul (Empresa Energética de Mato Grosso do Sul), o que significa 4% de um universo de 507 mil consumidores.
Segundo cálculo do superintendente de Gestão Comercial da empresa, Danglar Rodrigues, a inadimplência é de 7% ao ano e ocorre com maior incidência entre os consumidores considerados de classe média alta, cujo consumo mensal supera os 200 kwh (quilowatts-hora). “Nesse caso as atenções são redobradas na suspensão”, afirma, explicando que a cada vez que a empresa faz a religação tem custo equivalente a 15% da conta desse mesmo consumidor. Por isso a empresa pretende acionar outros meios, como o protesto de título em cartório, para combater a inadimplência. A média de consumo no primeiro semestre pela classe residencial foi de 120 kwh ao mês, totalizando junto das outras categorias de consumo 1,5 bilhão de MW (Mega Watt).

 

 

Campo Grande News


Deixe seu Comentário

Leia Também

NO LIMITE
"A gente já chegou no limite", diz Bolsonaro sobre economia do país
SHOW HUMANIZADO
Com 5 horas de live, Gusttavo Lima arrecada 100 mil para combater o Covid-19
UNIGRAN DOURADOS - FISIOTERAPIA
Fisioterapia traz novas perspectivas para o mercado de trabalho, coordenadora do curso na UNIGRAN ex
MUNDO - 35 MIL MORTOS
Últimas notícias de coronavírus de 30 de março
DOURADOS - POLONIO IMÓVEIS
Vem aí!, Dourados Medical Center empreendimento exclusivo para a área da saúde em Dourados
CORONAVÍRUS NO BRASIL
Prefeito é internado na UTI, após piora em quadro de coronavírus
REUNIÃO TENSA
‘Estamos preparados para ver caminhões do Exército com corpos?’, questiona Mandetta a Bolsonaro
BRASIL 117 MORTES
Casos de coronavírus no Brasil em 29 de março
FÁTIMA DO SUL - ATENÇÃO COMÉRCIO
Em novo Decreto, confira o que vai poder abrir e permanecer fechando nesta segunda em Fátima do Sul
CORONAVÍRUS NO BRASIL
Justiça suspende trecho decreto de Bolsonaro que livra igrejas de quarentena